Música coralMúsica sinfônicaÓperaProgramaçãoRio de Janeiro

Verdi para lavar a alma

Coro e Orquestra do TMRJ apresentam, no dia 28 de junho, coros e aberturas de óperas do popular compositor italiano.

 

O compositor italiano Giuseppe Verdi (1813-1901) é bastante querido pelos cantores líricos por escrever para voz de maneira magistral, pela abrangência e importância de sua obra e ainda, especialmente, pela beleza de seus coros, que ocupam um papel vital na narrativa de suas óperas, a exemplo de Rigoletto, Il Trovatore e Aida. Essa riqueza musical está na essência do programa do Festival Verdi, tema do próximo concerto de Trajetórias, que ocorre no dia 28 de junho, às 11h30, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. O Coro e a Orquestra Sinfônica do TMRJ irão apresentar aberturas e coros das óperas Aroldo, Nabucco, Macbeth, Ernani e Don Carlo, sob a regência do maestro Silvio Viegas. Os ingressos custam R$ 10 e as récitas duram aproximadamente uma hora.

 

Sobre o regente

Viegas é mestre em Regência pela Escola de Música da Universidade Federal de Minas Gerais. Com apenas 22 anos, foi agraciado com uma bolsa de estudos para estudar Regência na Itália. Em 2001, venceu o Concurso Nacional Jovens Regentes, organizado pela Orquestra Sinfônica Brasileira. Viegas tem uma ligação estreita com a dança, tendo dirigido, no Theatro Municipal do RJ, os balés Giselle, Coppelia, Raimonda, O Quebra-Nozes, O Lago dos Cisnes e Carmen, de Roland Petit. Tem também atuação de destaque no meio operístico, regendo obras como Così Fan Tutte, Le Nozze di Figaro e A Flauta Mágica, de Mozart; Tiradentes, de Manuel Joaquim de Macedo; La Bohème e Tosca, de Puccini; O Barbeiro de Sevilha, de Rossini; Carmen, de Bizet; Cavalleria Rusticana, de P. Mascagni; Il Trovatore ?epivir-hbv cost e Nabucco, de Verdi; 1493 best life rx pharmacy Romeu e Julieta, de Gounod; Lucia di Lammermoor Purchase , de Donizetti; e, mais recentemente, O Navio Fantasma, de Wagner, na Argentina.

Esteve à frente das Orquestras Sinfônica Brasileira, Petrobras Sinfônica, do Teatro da Paz, Sinfônica do Teatro Nacional Cláudio Santoro, Sinfônica de Minas Gerais, Filarmônica do Espírito Santo, Sinfônica do Paraná, Jazz Sinfônica de São Paulo, Sinfônica de Burgas (Bulgária), Sinfônica do Festival de Szeged (Hungria), Orquestra do Algarve (Portugal), Coro e Orquestra Sinfônica del Sodre (Uruguai) e Sinfônica do Teatro de La Plata (Argentina), entre outras. Foi diretor artístico da Fundação Clóvis Salgado – Palácio das Artes, de 2003 a 2005, e, atualmente, é o maestro titular da Orquestra Sinfônica da casa. É também professor de Regência na Escola de Música da Universidade Federal de Minas Gerais. Entre suas apresentações na temporada 2012/2013 estão concertos com a Orquestra Sinfônica de Roma, Filarmônica do Amazonas e dois concertos dentro da Temporada Sinfônica da Arena de Verona, na Itália.

Foto: Vânia Laranjeira Buy

 

SERVIÇO:

 

Concerto Trajetórias – Festival Verdi

online Coro e Orquestra Sinfônica do TMRJ

 

Silvio Viegas, regência

Jésus Figueiredo, maestro titular do Coro Buy

 

28 de junho, domingo, às 11h30

Theatro Municipal do Rio de Janeiro (Praça Floriano, s/n., Centro – Rio de Janeiro. Tel.: 21 2332-9191)

 

Programa: Cheap Pills

Aroldo – Abertura

Nabucco – Gli arredi festivi

Macbeth – Prelúdio – Coro delle Stregue – Patria Oppressa

Ernani – Prelúdio – Evviva! Beviam!

I Vespri Siciliani – Abertura

Don Carlo – Spuntato ecco il di d’esultanza

 

Ingressos: R$ 10 (preço único), à venda na bilheteria, no site Ingresso.com ou pelo telefone (21) 4003-2330

 

Classificação etária: 5 anos

Duração: 60 minutos

Capacidade: 2.244 lugares

Não é permitida a entrada de pessoas trajando bermuda, short, top, camiseta sem manga e chinelos, exceto para crianças até 10 anos.