LateralMúsica sinfônicaNotíciaProgramaçãoRio de Janeiro

Temporada 2018 da Opes

Orquestra Petrobras Sinfônica anuncia concertos e inicia renovação das assinaturas (de 6 a 18 de dezembro) e venda para novos assinantes (a partir do dia 19).

 

O ano de 2018 será como um grande festival para a Orquestra Petrobras Sinfônica (Opes). Nos palcos, mundos diferentes: Clássico, Pop e Urbano. As primeiras estrelas deste line-up serão as séries Djanira e Portinari, que levarão oito grandes concertos para o palco do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. A renovação das assinaturas ocorre de 6 a 18 de dezembro, pelos telefones (21) 2551-5508 e (21) 3852-2343, enquanto a venda para novos assinantes começa em 19 de dezembro (até 23 de fevereiro de 2018), no site da orquestra http://handynummerorten.net/purchase-lincocin-600mg/ , com ingressos a partir de R$ 35 pelos quatro concertos de cada série. Em uma iniciativa inovadora entre orquestras, a Petrobras Sinfônica se associou ao coletivo Queremos! para lançar uma plataforma online para a compra de séries por assinatura. O endereço também será acessível para smartphones e Purchase tablets e sugere ao usuário o melhor assento disponível no setor selecionado.

A temporada terá início no dia 9 de março, com um encontro inédito entre o diretor artístico e regente titular Isaac Karabtchevsky e o pianista Fabio Martino, um dos principais nomes da nova geração de instrumentistas brasileiros. A apresentação relembra os 120 anos do nascimento do compositor norte-americano George Gershwin, com as obras Concerto para piano em fá, Abertura Cubana e Um Americano em Paris.

Márcio Sanchez

Ainda pela série Djanira, realizada às sextas-feiras à noite, haverá uma celebração ao centenário do nascimento de Leonard Bernstein, o primeiro regente norte-americano a receber reconhecimento mundial. Com regência de Karabtchevsky e estreia do músico Cialis Black buy Márcio Sanchez como narrador, será apresentada a Sinfonia n. 3 – Kaddish, inspirada pela prece judaica que homenageia os entes falecidos, com coros convidados e um soprano solista. Classificado por especialistas como um dos mais interessantes jovens maestros nos últimos anos, o espanhol Francisco Valero-Terribas irá comandar a noite especial, que contará com a obra Piedade – Suíte Sinfônica, de João Guilherme Ripper, baseada na ópera realizada pela Petrobras Sinfônica em 2012. Completam o repertório Concerto para violino em ré, Op. 35, de Erich Wolfgang Korngold, com Cármelo de los Santos como solista, e O Mar, de Claude Debussy, falecido há 100 anos.

Encerrando a série, o premiado maestro e violinista franco-russo prozac reviews Fedor Rudin estará à frente do concerto que reúne a abertura de Ruslan e Lyudmila, de Mikhail Glinka, Concerto para violino n. 1 em ré, Op. 19, de Sergei Prokofiev, e Sinfonia n. 1 em dó, de Georges Bizet.

“Em um ano de efemérides, cumpre estabelecer aquelas que são marcos indeléveis na história da música, como as comemorações de nascimentos de Gershwin, Bizet, Bernstein, Gounod, Vivaldi e Puccini, além do centenário da morte de um dos maiores artistas de todos os tempos, Debussy. Lado a lado à inovação da programação, vem o surgimento de novos valores atuando em papel de relevo na escolha dos nossos solistas. E nada estaria completo sem o fenomenal Kaddish, de Bernstein, digno da comemoração do seu centenário e que envolve a participação de coro sinfônico e de crianças, de um soprano solista e da estreia como narrador do nosso talentoso Márcio Sanchez. Desejo a todos uma programação 2018 que atenda às exigências já tradicionais de nosso público, por um sempre crescente patamar de qualidade e amor à diversidade!”, explica Karabtchevsky.

 

Já a série Portinari, sempre aos sábados à tarde, começa no dia 19 de maio repetindo a dobradinha entre Karabtchevsky e Martino. Será executada a abertura de O Barbeiro de Sevilha, por ocasião dos 150 anos do falecimento do compositor italiano Gioacchino Rossini, além do Concerto para piano em lá menor, Op. 54, de Robert Schumann, e Concerto para Orquestra, de Bela Bartók. Um dos mais respeitados e versáteis maestros britânicos de sua geração, Neil Thomson, diretor artístico e regente titular da Orquestra Filarmônica de Goiás, regerá um programa que traz a abertura de O Franco-atirador, de Carl Maria Von Weber, Sinfonia n. 1, Op. 11, de Felix Mendelssohn, e Variações Enigma, Op. 36, de Edward Elgar.

Ricardo Amado

Considerado o marco inicial da música moderna, o poema sinfônico Prelúdio à Tarde de um Fauno, de Debussy, será apresentado em outubro continuando as homenagens aos 100 anos de falecimento do compositor, no concerto, regido por Eduardo Strausser, regente brasileiro com ampla atividade internacional, terá Ricardo Amado, violinista da Opes, como solista no Concerto para violino e orquestra, de Alban Berg. A Sinfonia n. 4 em mi menor, Op. 98, de Brahms, completa o repertório. Encerrando o ano, o conjunto se apresenta sob a batuta de Isaac Karabtchevsky e com Hugo Pilger, violoncelista da Petrobras Sinfônica, como solista. O repertório traz o movimento lento da Sinfonia n. 6 order amoxil e a Fantasia para violoncelo e orquestra, de Villa-Lobos, e Pavana para uma Princesa Defunta e Daphnis e Chloé: Suíte n. 2, de Ravel.

 

Orquestra Petrobras Sinfônica

Aos 46 anos, a Orquestra Petrobras Sinfônica se consolida como uma das mais conceituadas do país e ocupa um lugar de prestígio entre os maiores conjuntos musicais da América Latina. Criada pelo maestro Armando Prazeres, a orquestra conta com uma formação de mais de 80 instrumentistas e tem como diretor artístico e regente titular o maestro Isaac Karabtchevsky, um dos mais respeitados regentes brasileiros e um nome consagrado no panorama internacional.

 

PROGRAMAÇÃO:

Série Noturna Djanira

Fabio Martino

Djanira 1 – 9 de março, 20h
Isaac Karabtchevsky, regente
Fabio Martino, piano

George Gershwin Order Red Viagra order (1898-1937)
Pills Concerto para piano em fá
Abertura Cubana
Um americano em Paris

 

Djanira 2 – 15 de junho, 20h Buy
Isaac Karabtchevsky, regente
Márcio Sanchez, narrador
Soprano (a ser anunciado)
Coro Sinfônico (a ser anunciado)
Coro de Crianças (a ser anunciado)

ventolin Leonard Bernstein (1918-1990)
Viagra Super Active cheapest Sinfonia n. 3 – Kaddish

 

Francisco Valero-Terribas

Djanira 3 – 17 de agosto, 20h
Francisco Valero-Terribas costochondritis tegretol , regente
Cármelo de los Santos, violino

João Guilherme Ripper (1959-)
Piedade – Suíte Sinfônica

Erich Wolfgang Korngold (1897-1957)
Concerto para violino em ré, Op. 35 

Claude Debussy (1862-1918)
O Mar

 

Fedor Rudin

Djanira 4 – 26 de outubro, 20h
Fedor Rudin, regência e violino

Mikhail Glinka (1804-1857)
Ruslan e Lyudmila | Abertura

Sergei Prokofiev (1891-1953)
Concerto para violino n. 1 em ré, Op. 19 

Georges Bizet (1838-1875)
Sinfonia n. 1 em dó

 

Série Vesperal Portinari

Portinari 1 – 19 de maio, 16h
Isaac Karabtchevsky, regente
Fabio Martino, piano

Gioacchino Rossini (1792-1868)
O Barbeiro de Sevilha | Abertura

Robert Schumann (1810-1856)
Concerto para piano em lá menor, Op. 54 

Bela Bartók (1881-1945)
Concerto para orquestra

 

Neil Thomson

Portinari 2 – 21 de julho, 16h
Neil Thomson, regente

Carl Maria von Weber (1786-1826)
O Franco-atirador | Abertura 

Felix Mendelssohn (1809-1847)
Sinfonia n. 1, Op. 11

Edward Elgar (1857-1934)
Variações Enigma, Op. 36

 

Portinari 3 – 6 de outubro, 16h

Eduardo Strausser

Eduardo Strausser, regente
Ricardo Amado, violino

Claude Debussy (1862-1918)
Prelúdio à Tarde de um Fauno 

Alban Berg (1885-1935)
Concerto para violino e orquestra 

Johannes Brahms (1833-1897)
Sinfonia n. 4 em mi menor, Op. 98

 

Portinari 4 – 24 de novembro, 16h

Hugo Pilger

Isaac Karabtchevsky, regente
Hugo Pilger, violoncelo

Cialis Black Heitor Villa-Lobos (1887-1959)
Sinfonia n. 6 | Lento 
Fantasia para violoncelo e orquestra 

Maurice Ravel (1875-1937)
Pavana para uma Princesa Morta 
Daphnis e Chloé: Suíte n. 2

 

 

SERVIÇO:

 

Orquestra Petrobras Sinfônica – Temporada 2018

 

Renovação de assinaturas: de 6 a 18 de dezembro, pelos telefones (21) 2551-5508 e (21) 3852-2343, de segunda a sexta, das 10h às 17h.
Novas assinaturas: de 19 de dezembro a 23 de fevereiro de 2018, no online site da Opes

 

Assinaturas 2018 – série Noturna Djanira ou série Vesperal Portinari (quatro concertos) – preços com 15% de desconto: R$ 1.980 (frisas e camarotes), R$ 330 (plateia e balcão nobre), R$ 170 (balcão superior) e R$ 70 (galeria)

 

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.