Balé/DançaLateralProgramaçãoSão Paulo

Teatro Alfa retoma suas atividades com o selo Safeguard

Teatro Alfa retoma suas atividades com o selo Safeguard, certificação de saúde e segurança contra a Covid-19. As próximas atrações da reabertura são a São Paulo Companhia de Dança, dias 21 e 22 de novembro, com duas coreografias, incluindo a inédita Respiro, da coreógrafa Cassi Abranches, e a Cisne Negro Cia de Dança, dias 18, 19 e 20 de dezembro, com o 2. ato do clássico natalino O Quebra-Nozes e trecho do balé Cântigos Místicos, de Vasco Wellenkamp. Ambas as programações também poderão ser vistas online pela plataforma Sympla.

 O Teatro Alfa acabou de ser certificado pelo Grupo Bureau Veritas, líder mundial em Teste, Inspeção e Certificação (TIC), por estar em acordo com os protocolos de limpeza e higiene contra a propagação da Covid-19. O selo Safeguard certifica que o teatro adotou todas as medidas preventivas específicas para o segmento cultural e necessárias para reabrir suas portas com segurança.

Estar bem preparado para receber adequadamente estas pessoas na reabertura do teatro nos levou a procurar o Bureau Veritas para orientar e certificar se as medidas adequadas estão implantadas. O fato de ser uma certificadora reconhecida internacionalmente contribui para dar segurança e conforto não só para a realização das atrações nacionais como internacionais“, diz Elizabeth Machado, consultora do Teatro Alfa.

O Safeguard foi desenvolvido com base nas orientações sanitárias da OMS e avalia medidas de distanciamento social, como assentos vazios entre os ocupados por pessoas que não estão no mesmo grupo e marcações de piso para orientação de onde as pessoas devem ficar para evitar aglomeração em áreas comuns, por exemplo.

Intensificação das medidas de higiene para equipes internas, além da limpeza e desinfecção do espaço físico formam outra frente de verificação. Reforço da ventilação natural sempre que possível e manutenção do ar condicionado em períodos menores para garantir a renovação e qualidade do ar também são considerados.

Para os clientes que não compraram ingresso antecipadamente ou estão consumindo nas lojas e cafés, é recomendado o pagamento por sistemas contacless para evitar contato com maquininhas de cartão ou manuseio de dinheiro. O Teatro Alfa, assim como todo equipamentos cultural certificado, deve expor o selo Safeguard para que os frequentadores possam verificar, através do QR Code, a validade da certificação e acessar o canal para denúncias do Bureau Veritas no caso de identificação de alguma irregularidade.

 

TEMPORADA ALFA DE DANÇA

São Paulo Companhia de Dança

Dias 21 e 22 de novembro – Sábado às 20h e Domingo às 18h

Direção de Inês Bogéa

Ingressos – R$ 100,00 (inteira), R$ 50,00 (meia-entrada) e R$ 30,00 (online).

Após quase nove meses longe do público presencial, a SPCD volta a sentir de perto o carinho da plateia em dois espetáculos presenciais no Teatro Alfa. O reencontro acontece nos dias 21 e 22 de novembro, com apresentações para o público presente no Alfa e também streaming ao vivo, direto do palco físico do teatro.

O programa é composto de dois balés: Só Tinha de Ser com Você, de Henrique Rodovalho, e a estreia de Respiro, da coreógrafa Cassi Abranches.

Criada em janeiro de 2008, a São Paulo Companhia de Dança (SPCD) é um corpo artístico da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela Associação Pró-Dança. A São Paulo é uma Companhia de repertório, ou seja, realiza montagens de excelência artística, que incluem trabalhos dos séculos XIX, XX e XXI de grandes peças clássicas e modernas a obras contemporâneas, especialmente criadas por coreógrafos nacionais e internacionais.

 

Só Tinha de Ser com Você (2020)

A obra  Tinha de Ser com Você é uma sensível e singular releitura coreográfica do álbum Elis & Tom (1974), clássico da música brasileira. Este sucesso do coreógrafo Henrique Rodovalho foi criado originalmente em 2005 para sua companhia, a Quasar Cia de Dança, e, agora, ganha uma versão especial pensada para os bailarinos da São Paulo Companhia de Dança.

Esta primeira remontagem de um espetáculo da Quasar Cia de Dança “só tinha que ser” com a SPCD. É um belo encontro do estilo Quasar/Rodovalho de dançar com todo o aprimoramento técnico da São Paulo Companhia de Dança”, comenta Rodovalho.

Coreografia e iluminação: Henrique Rodovalho
Música: Excertos do álbum Elis & Tom, de Elis Regina (1945-1982) e Antônio Carlos Jobim (1927-1994)
Figurino: Cássio Brasil
Cenografia: Letycia Rossi
Assistência de Coreografia: Vívian Navega

 

Respiro (2020 – estreia)

Concebida durante o contexto de isolamento social provocado pela pandemia, Respiro é a quarta obra criada por Cassi Abranches especialmente para a São Paulo Companhia de Dança. Respiro evoca uma pausa, folga ou simplesmente o ato de respirar. Nessa obra, a coreógrafa busca proporcionar ao público um alívio e desligamento da realidade que nos foi imposta inesperadamente.

Coreografia: Cassi Abranches
Música: Beto Villares e Siba (rabeca)
Iluminação: Gabriel Pederneiras
Figurino: Verônica Julian

 

Cisne Negro Cia de Dança 43 anos de atividades

Dias 18, 19 e 20.de dezembro

Direção artística de Hulda Bittencourt e Danny Bittencourt

Ingressos – R$ 100,00 (inteira), R$ 50,00 (meia-entrada) e R$ 30,00 (online).

www.teatroalfa.com.br

No programa – 2. ato do balé natalino O Quebra-Nozes e trecho do balé Cântigos Místicos, de Vasco Wellenkamp, com música de Händel. Tradicional na cidade de São Paulo, o espetáculo recebeu em 2012 o Prêmio Governador do Estado como Melhor Espetáculo de Dança – preferência popular.

Criada em 1891 pelo compositor russo Pyotr Ilyich Tchaikovsky, a versão da Cisne Negro Cia de Dança tem direção de Hulda Bittencourt e Danny Bittencourt.

A criação de O Quebra-Nozes foi inspirada em uma adaptação francesa de um trecho do conto Nussknacker und Mauserkonig (Quebra-Nozes e o Rei dos Camundongos), de Hoffmann. Tchaikovsky se encantou com as colorações sinistras e fantásticas que envolvem a história e compôs a música para o balé. O resultado é uma obra repleta de fantasia e romantismo.

 

 

SERVIÇO

 

São Paulo Companhia de Dança e Cisne Negro Cia de Dança


Teatro Alfa (Rua Bento Branco de Andrade Filho, 722 – São Paulo – (11) 5693-4000

Ingresso rápido ou pelos telefones: 11 5693-4000 | 0300 789-3377.

Acessibilidade – motora e visual.

Estacionamento: Sala A – Vallet R$ 45,00 e Self Park R$ 31,00. Sala B – Vallet R$ 30,00 e Self Park R$ 20,00.

Apresentações para o público presente no Alfa e também streaming ao vivo, direto do palco físico do teatro.

Ingressos – R$ 100,00 (inteira), R$ 50,00 (meia-entrada) e R$ 30,00 (online).

www.teatroalfa.com.br

 

Compra de ingressos presenciais

Pelo telefone da bilheteria 5693-4000 | 0300 789-3377.

Pela Sympla – www.sympla.com.br

Pelo totem digital instalado ao lado da bilheteira.

 

Ingressos para transmissões on line

Clique aqui para adquirir o seu ingresso  para transmissão online 

21/11: https://bit.ly/34vjViU

22/11:https://bit.ly/2HHVQfY

O espetáculo será transmitido pela plataforma Sympla através do Zoom.

PARA ACESSAR A TRANSMISSÃO:

  1. Adquira o seu ingresso clicando no botão Ingressos
  2. Baixar o aplicativo Zoom https://zoom.us 
  3. Fazer um cadastro e logar no site https://www.sympla.com.br
  4. Acessar a área meus ingressos e clicar em ACESSAR TRANSMISSÃO (disponível 15 minutos antes do horário de início do evento).

 


Grupo Bureau Veritas

Com receita global de 4,6 bilhões de euros, o Bureau Veritas está presente em 140 países, atendendo 400 mil clientes com suas cinco divisões de negócios: Marítimo & Offshore, Agronegócio & Commodities, Indústria, Construção & Infraestrutura e Power & Utilities. Com mais de 5 mil colaboradores no Brasil a empresa oferece seu portfólio completo de serviços, garantindo conformidade, controle de cadeias de suprimentos, antecipação de tendências, reduzindo riscos, aumentando eficiência e cuidando da reputação de seus clientes. Mais informações no site www.bureauveritas.com.br.

 

Teatro Alfa 

Prêmios APCA 2016 e Governador do Estado 2018

O Teatro Alfa tem 22 anos de operação em abril de 2019. Nesse período, fez mais de 7.400 apresentações para um público superior a 3,2 milhões de espectadores, conquistando espaço relevante na cena cultural da cidade de São Paulo. Administrado pelo Instituto Alfa de Cultura, é um teatro privado que mantém temporadas regulares nas áreas de dança e teatro infantil, apresentando também espetáculos musicais de grande porte, música erudita e popular e teatro adulto.

O espaço foi idealizado para múltiplo uso e equipado com excelente mecânica cênica, iluminação e sonorização. Sua manutenção exemplar o mantém em perfeito estado de conservação e investimentos são feitos para constante atualização técnica. Com duas salas, a Sala Principal (1.110 lugares) e a Sala B (200 lugares), é um espaço versátile acomoda todo tipo de espetáculo, como dança, óperas, orquestras, música popular, teatro e musicais, além de dispor de ótima infraestrutura para realização de eventos corporativos e sociais.

O teatro mantém o Projeto Social “Descobrindo o Teatro”, com o objetivo de formar público e apresentar os diferentes tipos de profissões que o teatro oferece. Este projeto já atendeu mais de 7.400 jovens de baixa renda. O “Projeto Escola” já ofereceu mais de 150.000 ingressos gratuitos para crianças, jovens e professores da rede pública e ONGs para os mais diferentes tipos de espetáculos.

Segundo a avaliação de artistas produtores, companhias e do público, o Teatro Alfa supera as expectativas por ser conduzido por uma equipe altamente qualificada, apta a receber produções sofisticadas e de grande exigência técnica. Recebeu o Prêmio APCA 2016 de Melhor Equipe Técnica e o Prêmio Governador do Estado de 2018, como na categoria Instituição cultural.

 

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.