LateralMúsica sinfônicaPernambucoProgramação

Tchaikovsky – 180 anos

Com o fim do período carnavalesco, abre-se a temporada de música erudita. A “Sinfonieta UFPE” e o “Coro da Academia de Ópera e Repertório” trazem, no dia 7 de março, às 19h, o concerto “Tchaikovsky 180 anos”, continuação da série “Grandes Mestres da Música Clássica”, que celebrará o 180º aniversário de nascimento do célebre compositor russo. A direção artística e a regência são do maestro Wendell Kettle.

Essa é a nossa quarta temporada artística e, por isso, estamos muito felizes e confiantes de que teremos mais um ano de sucesso! De 2017 para cá, percebemos a evolução e o desenvolvimento do trabalho: a cada ano mais óperas têm sido incluídas na programação. Em 2019 realizamos o I Festival de Ópera de Pernambuco, evento de caráter inédito em nossa Região, e esperamos poder realizar o segundo festival em 2020, assim como daremos continuidade à série “Grandes Mestres da Música Clássica” que abre esse ano tão especial com esta grande homenagem a Tchaikovsky”, conta o maestro Kettle.

PROGRAMA

Tchaikovsky
Abertura-fantasia “Romeu e Julieta”

Concerto para Violino e Orquestra em Ré Maior, Op. 35,
– Solista – Gílson Filho

Ópera Eugene Onegin
– Coro dos Camponeses “Minhas pernas velozes doem de tanto andar…” do ato I, cena 1

– Coro e Valsa “Vejam que surpresa!…” do ato II, cena 1.

 

SERVIÇO

 

Tchaikovsky – 180 anos

 

Dia 7 de março, sábado, às 19h

Teatro de Santa Isabel –(Praça da República s/n. Recife-PE)

Ingressos apenas na bilheteria do Teatro: R$ 30,00 (R$ 15,00 – meia entrada)

Classificação: livre

 

 

Piotr Ilitch Tchaikovsky

Nasceu em Votkinsk, na Rússia, em 7 de maio de 1840 e faleceu em São Petersburgo, em 6 de novembro de 1893. Um dos mais proeminentes compositores russos e de toda a música erudita, deixou um legado de obras valiosíssimo para a humanidade com destaque para suas sinfonias, pelas óperas Eugene Onegin, Rainha de Espadas e Iolanta, pela Abertura 1812 e seus famosos balés O lago dos cisnes, A bela adormecida e O quebra-nozes.

 

Gílson Filhoviolino

Artista premiado internacionalmente e com larga experiência tanto como músico de orquestra quanto como solista. É mestre em performance pela Universidade do Novo México (EUA), onde teve a orientação do violinista Dr. Cármelo de los Santos. É Bacharel em Artes (violino) pela Nicholls State University na classe do Professor James Alexander, e atualmente é Coordenador Pedagógico do projeto social Orquestra Criança Cidadã e spalla da “Sinfonieta UFPE”.

 

Wendell Kettledireção musical e regência

É doutor em Regência Sinfônica e Operística pelo Conservatório Estatal “Rimsky-Korsakov” de São Petersburgo – Rússia, onde recebeu a orientação do maestro Aleksander Polischuk (performance) e do Dr. Vladimir Goryachyr (tese), com bolsa do Programa de Doutorado Pleno no Exterior da CAPES.

É mestre em Regência pela Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), onde teve como orientador o maestro Henrique Morelenbaum; é Bacharel em Música com Habilitação em Composição e Regência pelo Instituto de Artes da Universidade Estadual Paulista (UNESP), onde estudou regência com os maestros Samuel Kerr, Jorge Salim Filho e Ronaldo Bologna, e composição com Villani-Côrtes, Edson Zampronha e Eduardo Escalante.

Atualmente, é membro do programa de aperfeiçoamento, como regente, da Academia do Teatro Mariinsky (São Petersburgo), maestro convidado do Teatro “Helikon-Ópera” (Moscou) e desde junho de 2016 é professor de Regência do Departamento de Música da UFPE onde criou os projetos de extensão “Sinfonieta UFPE” e “Academia de Ópera e Repertório da UFPE” com os quais tem desenvolvido intenso trabalho artístico-musical e temporadas com concertos e óperas desde 2017 em Pernambuco.

 

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.