LateralMinas GeraisNotíciaTecnologia

Série BH Instrumental lança webfestival

O distanciamento social nos privou de muitas atividades, mas, o show não pode parar. E, por isso, a Série BH Instrumental realizará o seu primeiro evento musical totalmente on-line, nos dias9, 10 e 11 de julho.

Webfestival UNO | DUO Série BH Instrumental, da Veredas Produções, contará com apresentações exclusivas que permitirão levar uma experiência musical segura para todos, no conforto dos nossos lares.

Mais uma vez, a música cumpre o seu importante papel, possibilitando que possamos passar por essa situação de forma mais leve, além de gerar trabalho para músicos e profissionais da cultura afetados pelo cancelamento da agenda cultural.

O Webfestival UNO | DUO Série BH Instrumental será transmitido no canal do YouTube da Veredas Produções, o que permitirá que mais pessoas possam conhecer nossos artistas e a rica produção instrumental mineira, já que a internet possibilita esse alcance para além dos limites do nosso estado.

Em cada dia de festival, três atrações se apresentarão pockets shows no palco virtual em formatos solo ou duo, o que explica o nome do projeto. Todas as medidas de segurança exigidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) serão cumpridas.

Da programação, participarão Eneias Xavier (contrabaixo e piano); PC Guimarães e Natália Mitre (guitarra e vibrafone); Magno Alexandre e Bruno Vellozo (guitarra e contrabaixo); Duo San Tali – Sandra Alves e Talita Olivetti (flauta e piano); Christiano Caldas (piano); Augusto Cordeiro e Pedro Gomes (violão e contrabaixo); Rafael Pansica (solo); Warley Henrique (cavaquinho); Thiago Peixoto e Breno Mendonça (handpan e sax / flauta);

O Webfestival UNO | DUO Série BH Instrumental conta com patrocínio do Instituto Unimed-BH, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, através do incentivo de mais de 5,1 mil médicos cooperados e colaboradores.

 

Série BH Instrumental

O Webfestival UNO | DUO Série BH Instrumental surge como uma derivação da Série BH Instrumental, que acontece em temporadas regulares na Praça Floriano Peixoto e também com edições especiais em Contagem e Betim. Portanto, o novo formato não é, de maneira nenhuma, uma substituição à Série BH Instrumental.

Enquanto acompanhamos atentamente os desdobramentos da pandemia, shows presenciais continuam fora da pauta, mas mantemos os esforços para que o projeto, um dos mais tradicionais dedicados ao gênero instrumental, aconteça em seu escopo original tão logo seja possível e seguro.

Inclusive, no momento, o Edital Série BH Instrumental 2020, que seleciona instrumentistas da cidade para integrar sua programação, continua com inscrições abertas, de forma a possibilitar uma janela de tempo confortável para que os interessados se inscrevam. Estamos nos mantendo vigilantes e confiantes para o futuro.

A Série BH Instrumental e suas derivações contam com patrocínio do Instituto Unimed-BH, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, através do incentivo de mais de 5,1 mil médicos cooperados e colaboradores.

 

 Artistas que participarão do webfestival

Dia 09 de julho, quinta-feira, às 20h

 – Eneias Xavier (contrabaixo e piano)

Eneias Xavier vai apresentar as suas faces artísticas como contrabaixista e pianista. Em quase seus 30 anos de profissão, trabalhou com Mílton Nascimento, Toninho Horta, Chris Potter, Nenê e Chico Amaral. Além de produtor musical, atua como professor da Universidade Bituca de Música Popular há 14 anos.

PROGRAMA

Standard Jazz Americano
Someday My Prince Will Come 

Mílton Nascimento
San Vicente 

Lyle Mays
Highland Aire

Lô Borges / Chick Corea / Tom Jobim
Pout-Pouri – Trem Azul / Armando’s Rhumba  / Desafinado 

Românticos / Vader Lee
Pout-Pouri – Esperando Aviões – Vader Lee


– PC Guimarães e Natália Mitre (guitarra e vibrafone)

No pocket show “PC Guimarães convida Natália Mitre”, composições do guitarrista em arranjos especialmente para o webfestival. PC Guimarães estudou na New School for Jazz and Contemporary Music, em Nova York. Foi selecionado no Jovem Instrumentista BDMG, em 2012. Atua como professor de música e integra o Semreceita, PC Guimarães Sexteto, Octávio Cardozzo, entre outros.

Natália Mitre é percussionista e se apresentou em Cuba, Estados Unidos, África do Sul e Portugal, além de excursionar por todo o Brasil. Já se apresentou junto as orquestras Sinfônica e Filarmônica de Minas Gerais. Faz parte do Semreceita, Arco Musical Brasil, Luísa Mitre quinteto, Davi Fonseca Sexteto e Artur Andrés Ensemble.

PROGRAMA

P. C. Guimarães
Redescobrir 
Interseção dos Mundos 
Montanha
Lançar da Âncora 


– Magno Alexandre e Bruno Vellozo (guitarra e contrabaixo)

O duo apresentará repertório autoral com composições de Magno Alexandre, guitarrista e compositor com premiações no Prêmio BDMG Instrumental e Melhores da Música. Bruno o acompanhará no pocket show. O contrabaixista tem 10 anos de carreira, tendo tocado com Toninho Horta, Lucas Telles, Márcio Bahia, entre outros.

PROGRAMA

Magno Alexandre
Baião pra Nanda 
O voo do menino gigante 
21 de setembro 
Jandira 
Standard Jazz

 

Dia 10 de julho, sexta-feira, às 20h

 – Duo San Tali – Sandra Alves e Talita Olivetti (flauta e piano)

O duo apresentará o show “Brasilidade e Sentimento”, com diversos estilos e épocas da música popular brasileira. A flautista Sandra Alves foi solista da Orquestra Sinfônica da Escola de Música da UFMG e desde 2014 integra a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais como primeira flauta e chefe de naipe.

Talita é pianista e participou de festivais como Festival Música nas Montanhas e se apresentou no Grupo Experimental de Ópera Eloísa Baldin.

PROGRAMA

Joaquim Callado
Flor Amorosa 

Pattápio Silva
Primeiro Amor

Osvaldo Lacerda
Poemeto 

Pattápio Silva
Zinha

Pixinguinha
Rosa

Chico Buarque e Cristóvão Bastos
Todo Sentimento 

Mílton Nascimento e Lô Borges
Quem Sabe Isso Quer Dizer Amor

Juarez Moreira
Baião Barroco


– Christiano Caldas (piano)

O músico vai interpretar no festival obras de compositores da cena instrumental de Belo Horizonte. Christiano produziu nomes como Mílton Nascimento, Flávio Venturini, 14 Bis e Roberto Menescal. Integrou as bandas de Thiago Delegado, Chico Amaral, Yamandú Costa, Wágner Tiso, Carlos Malta, Toninho Horta, Aline Calixto, entre outras.

PROGRAMA

Thiago Nunnes
Chet

Thiago Delegado
A Camisa do Donato

Célio Balona
Mistura Fina

Celso Moreira
Contra o Vento

Frederico Heliodoro
Vida nova outra vez 

Juarez Moreira
Carioca 


– Augusto Cordeiro e Pedro Gomes (violão e contrabaixo)

A dupla vai apresentar composições autorais, além de clássicos da música popular brasileira. Augusto Cordeiro é cantor, compositor e violonista. Apresentou-se ao lado de Chico Amaral, Cléber Alves, Toninho Horta, Gustavo Maguá, entre outros. Participou do Jovem Instrumentista BDMG em 2017.

O contrabaixista Pedro Gomes venceu o Novos Talentos do Jazz com o grupo Jazzcorde-on. Integra o Trivial Trio e atua como produtor musical no novo trabalho de Pereira da Viola ao lado de Wilson Dias, Gustavo Maguá e Candonguero. Como compositor, foi semifinalista do 19º Prêmio BDMG Instrumental.

PROGRAMA

Pedro Gomes
Gonzagueando 

Chico César
À Primeira Vista

Habib Abou Khalil
Dog River 

Pedro Gomes e Pablo Malta
Sossega o Facho! 

Caetano Veloso
Trilhos Urbanos 

Gilberto Gil e João Donato
A Paz 

 

Dia 11 de julho, sábado, às 20h

– Rafael Pansica (violão)

O show é calçado na pesquisa de mestrado que vem sendo realizada por Pansica na Escola de Música da UFMG sobre a obra de Hermeto Pascoal. O violonista venceu o 16º Prêmio BDMG Instrumental e já tocou ao lado de Bebê Kramer, Fábio Peron e Cléber Almeida.

PROGRAMA

Sérgio Bittencourt
Naquela Mesa 

Hermeto Pascoal
São Jorge

Pixinguinha
Lamentos 

Rafael Pansica
“Ares, Mar”

Hermeto Pascoal
Menina Ilza

João Pernambuco
Sons de Carrilhões 

Rafael Pansica
Engasgado 


– Warley Henrique (cavaquinho)

O cavaquinista apresentará um show inédito, concebido para este formato e para o momento atual, passeando por composições autorais e clássicos de Pixinguinha, Cartola, Noel Rosa e Tom Jobim. Autodidata, Warley conquistou importantes premiações como Prêmio BDMG Instrumental e integra o Clube do Choro de Belo Horizonte, além de ser o fundador do grupo Boca de Siri.

PROGRAMA

Cartola
As Rosas Não Falam

Waldir Azevedo
Pedacinhos do Céu 

Warley Henrique
Pensando em Ti 

Pixinguinha
Carinhoso

Pixinguinha
Rosa

Waldir Azevedo
Brasileirinho 


– Thiago Peixoto e Breno Mendonça (handpan e sax/flauta)

Com composições inspiradas na música brasileira, jazz e uma atmosfera meditativa, o duo proporciona sempre novas experiências ao público com suas improvisações. No repertório, composições autorais. Thiago Peixoto é baterista e percussionista, tendo tocado ao lado de Wander Lee, Érika Machado, Fernanda Takai, Lúdica Música, Marina Machado, entre outros. Realizou turnês no Brasil e no exterior, em países como Argentina e Uruguai. E hoje se dedica ao handpan, um instrumento ainda pouco usado por aqui, mas que o percussionista conheceu e pelo qual se apaixonou de cara.

O saxofonista Breno Mendonça gravou mais de 60 álbuns e tocou nos principais festivais de música do Brasil. O também arranjador e produtor musical acompanhou Toninho Horta, Juarez Moreira, Nailor Proveta, Chico Amaral, Raul de Souza e uma extensa lista de grandes nomes.

PROGRAMA

Thiago Peixoto
Pérsia 

Breno Mendonça
A Busca 

Thiago Peixoto e Breno Mendonça
Anahata 

 

 

SERVIÇO


Webfestival UNO | DUO Série BH Instrumental

Dias 09, 10 e 11 de julho, às 20 horas

Youtube.com/veredasproducoes

Informações – 31 3222 5271 /  www.veredasproducoes.com.br

Classificação livre

Acesso gratuito

Patrocínio: Instituto Unimed-BH, por meio do incentivo de mais de 5,1 mil médicos cooperados e colaboradores

 

Instituto Unimed-BH

 Associação sem fins lucrativos, o Instituto Unimed-BH, desde 2003, desenvolve projetos visando ampliar o acesso à cultura, estimular o bem-estar e a qualidade de vida das pessoas, valorizar espaços públicos e o meio ambiente. Ao longo de sua história, o Instituto destinou R$120 milhões ao setor cultural, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura e da Lei Federal de Incentivo à Cultura, viabilizado pelo patrocínio de mais de 5.100 médicos cooperados e colaboradores. No último ano, mais de 850 mil pessoas foram alcançadas por meio de projetos de cinco linhas de atuação: Comunidade, Voluntariado, Meio Ambiente, Adoção de Espaços Públicos e Cultura.

 

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.