LateralNotícia

Recital do Duo SPES em Badajoz

Duo SPES apresenta obras brasileiras e internacionais no “V Ciclo de Música Contemporánea de Badajoz” no dia 4 de maio de 2012 às 20:00, no “Salón de Plenos de la Diputación de Badajoz”.

Em destaque, a estreia do Duo de Gonzalo Navarro García, obra que utiliza recursos expandidos da viola pomposa. Apresentam-se também obras de Christopher Bochmann e dos brasileiros Harry Crowl, Paulinyi, encerrando com tradicionais chorinhos de Pixinguinha.

 

PROGRAMA
Harry Crowl
Vriesea Platynema (Duo de Flora Atlântica III)

Harry Crowl é eminente compositor e musicólogo brasileiro. Leciona em Curitiba e é diretor administrativo da Orquestra da Universidade Federal do Paraná. Sua obra Vriesea Platynema é o segundo movimento do Quarteto Flora Atliantica III. Juntamente com “Ofertório” de Paulinyi, exibe as qualidades singulares da viola pomposa.

Zoltan Paulinyi
Ofertório
Biduo d’ouro
Pluma
Sonhos Sonoros

Gonzalo Navarro García
Duo (estreia)

Christopher Bochmann
Dialogue III

Atualmente, Cristopher Bochmann é diretor do Departamento de Música da Universidade de Évora. Dedicou o Dialogue III para o Duo SPES para estreia em Lisboa em fevereiro de 2010. É peça que expande seu sistema isobemático, incorporando elementos microtonais. Isobemático, do grego isos + bema, significa “passos iguais”. Refere-se ao sistema composicional utilizado principalmente pelo Bochmann. Baseia-se no estabelecimento de uma unidade intervalar (semitom ou microtom) e na adoção de um estilo estruturado na série de Fibonacci.

Pixinguinha e Benedito Lacerda
Naquele Tempo
Descendo a Serra

 

Fotos e informações

http://paulinyi.blogspot.com/2012/03/v-ciclo-de-musica-contemporanea-de.html conditioning cleanser para k sirve

http://spes.MusicaErudita.com}

Leave a Response

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.