LateralNotíciaÓpera

ProvA?vel temporada lA�rica do Municipal RJ

ConheA�a tambA�m os elencos das A?peras em concerto do Municipal de SA?o Paulo.

how much toradol can i take Order Buy

Como A� de amplo conhecimento, a questA?o dos salA?rios do funcionalismo pA?blico no A?mbito do (des)governo do estado do Rio de Janeiro continua sem soluA�A?o. No caso especA�fico do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, seus artistas e funcionA?rios tA�cnicos e administrativos receberam atA� o salA?rio de janeiro. O dA�cimo-terceiro de 2016 ainda se encontra pendente, assim como o vencimento de fevereiro, que deveria ter sido pago atA� o dA�cimo dia A?til de marA�o.

A situaA�A?o, como se vA?, continua delicada. Exatamente por isso, uma vez mais a realizaA�A?o da A?pera JenA?fa, de JanA?A?ek, corria risco, mas uma assembleia realizada nesta terA�a-feira, 28 de marA�o, confirmou a realizaA�A?o da A?pera, que finalmente poderA? estrear no prA?ximo domingo, 2 de abril, A�s 17h (saiba mais). HA? mais trA?s rA�citas confirmadas nos dias 4, 7 e 9 de abril. E hA?, ainda, a possibilidade de uma rA�cita extra, cuja renda seria destinada aos artistas e funcionA?rios da casa, segundo informou ao Movimento.com uma fonte com acesso A� referida assembleia. No entanto, a realizaA�A?o dessa rA�cita extra ainda necessita da aprovaA�A?o dos envolvidos.

ApA?s JenA?fa, a programaA�A?o do Municipal do Rio estA? toda “a confirmar”, sobretudo pelo persistente problema dos salA?rios do funcionalismo estadual, que pode voltar a ocasionar paralisaA�A�es de artistas e funcionA?rios. Apesar dessa ressalva, o Movimento.com apurou os tA�tulos com que o novo diretor artA�stico da casa, AndrA� Heller-Lopes Order , vem trabalhando internamente, ou seja, os tA�tulos que ele pretende que integrem a temporada lA�rica 2017 do Municipal. SA?o eles:

Cheap * Norma, de Bellini, em forma de concerto (maio);

* Un ballo in Maschera, de Verdi (nA?o a produA�A?o agendada pela gestA?o anterior, mas uma proveniente do PalA?cio das Artes, de Belo Horizonte, em julho);

* Yerma, de Villa-Lobos (sem data definida);

* La Cenerentola, de Rossini (em novembro).

Tudo ainda a confirmar, faA�o questA?o de reiterar. Uma avaliaA�A?o melhor da temporada, claro, somente poderA? ser feita quando maiores detalhes forem divulgados (elencos, equipes de criaA�A?o, etc.). Por ora, fiquemos com JenA?fa.

 

Theatro Municipal de SA?o Paulo

JA? o Theatro Municipal de SA?o Paulo, consultado atravA�s de sua Assessoria de Imprensa, informou os elencos das suas duas A?peras em forma de concerto programadas para este primeiro semestre (a informaA�A?o ainda nA?o consta da webpage da casa):

Fidelio, de Beethoven (7 e 8 de abril)

Florestan a�� Ricardo Tamura
Leonore a�� Marly Montone
Rocco a�� Carlos Eduardo Marcos
Marzeline a�� Caroline De Comi
Jaquino a�� Giovanni Tristacci
Don Pizarro a�� Douglas Hann
Don Fernando a�� Pedro Ometto
Prisioneiro 1 a�� Paulo Queiroz
Prisioneiro 2 a�� Rafael Tomas

 

A DanaA�A?o de Fausto, Purchase online de Berlioz (30 de junho e 1A� de julho)

Faust a�� Paulo Mandarino
Marguerite a�� Ana Lucia Benedetti
MA�phistophA�lA?s a�� Leonardo Neiva
Brander a�� Saulo Javan

 

TambA�m por meioA�da assessoria de imprensa da casa, o novo diretor artA�stico do Municipal paulistano, ClA�ber Papa, questionado sobre o que poderia adiantar a respeito das A?peras encenadas previstas para o segundo semestre deste ano, limitou-se a dizer:

“A vocaA�A?o histA?rica do Theatro Municipal de SA?o Paulo A� a realizaA�A?o de concertos sinfA?nicos, espetA?culos de balA� e de A?pera. Excepcionalmente, em 2017, nA?o realizaremos nenhuma produA�A?o nova de A?pera no primeiro semestre, mas teremos A?peras em forma de concerto: Fidelio, de Ludwig van Beethoven, dias 7 e 8 de abril; e A DanaA�A?o de Fausto, de Hector Berlioz, dias 30 de junho e 1A? de julho. Deveremos realizar espetA?culos novos no segundo semestre. Muito embora tenhamos uma definiA�A?o estratA�gica de produA�A?o, nA?o anteciparemos ainda os tA�tulos. A� expectativa desta diretoria artA�stica a realizaA�A?o de pelo menos um tA�tulo do romantismo italiano e uma obra de compositor brasileiro. JA? os custos de produA�A?o serA?o conservadores e iremos trabalhar com um orA�amento mA�dio de 300 mil dA?lares por produA�A?o.”

NA?o solicitei maiores esclarecimentos a Papa, mas creio que ele tenha se referido, ao falar de uma A?pera romA?ntica italiana e outra de compositor brasileiro, a somente duas dentre aquelas A?peras que o Municipal de SA?o Paulo deverA? apresentar no segundo semestre deste ano. Aguardemos.

 

Theatro SA?o Pedro

Depois de O Espelho buy fenofibrate on line , de Jorge Antunes, agora em marA�o, o Theatro SA?o Pedro-SP montarA? Gianni Schicchi, de Puccini, em abril. AlA�m disso, nA?o se sabe. HA? um “imbrA?glio” jurA�dico envolvendo a gestA?o da casa, como nos explica JoA?o Luiz Sampaio (leia aqui). Enquanto isso, a programaA�A?o segue anunciada a conta-gotas.

 

OSB

De coraA�A?o: espero que ela ainda esteja entre nA?s. Tentei contato por meioA�da assessoria de imprensa citada no website da Orquestra SinfA?nica Brasileira (que aparentemente nA?o A� atualizado deste o fim da temporada passada), mas fui informado que a empresa nA?o presta mais serviA�os A� instituiA�A?o. Ainda assim, gentilmente a empresa me informou o e-mail de um funcionA?rio da FundaA�A?o OSB responsA?vel pela sua ComunicaA�A?o. A mensagem que enviei voltou porque a caixa postal do dito-cujo estava lotada. Tentei no dia seguinte: mesmo resultado. Vale para esse funcionA?rio o mesmo pensamento positivo em relaA�A?o A� orquestra: espero que ele ainda esteja entre nA?s.

 

Leonardo Marques
Formado em Letras com pós-graduação em Língua Italiana. Frequentador assíduo de concertos e óperas. Participou de cursos particulares sobre ópera. E-mail: leonardo@movimento.com