LateralNotíciaSão PauloTecnologia

Orquestras de Guarulhos retomam Temporada 2020

O concerto digital para retomada das atividades musicais das orquestras de Guarulhos, apresentado pela Gru Sinfônica na última sexta-feira (14/08) e transmitido ao vivo do Teatro Adamastor, foi marcado pela execução de repertório bastante especial, que além de mergulhar na obra de grandes mestres da música, como Mendelssohn e Strauss, também ofereceu aos espectadores a primeira audição mundial da obra Passarinho, do estagiário de composição e regência da Gru Sinfônica, Fernando Gomes.

Todos os concertos digitais da Gru Sinfônica e Orquestra Jovem serão exibidos pelas redes sociais das orquestras, no YouTube, no Facebook e no Instagram.

 

Temporada 2020

A Temporada 2020 das orquestras foi completamente reformulada para atender aos protocolos de segurança para prevenção e combate à pandemia, com repertório elaborado para formações menores, com poucos instrumentistas.

Dessa forma, foi possível manter as quatro séries previstas anteriormente (Grandes Mestres, Novos Talentos e Descobertas, No Mundo da Ópera e Fronteiras), em meio a uma programação que estabelece rico diálogo entre a música orquestral e suas infinitas possibilidades de apreciação.

Série Grandes Mestres

  • Agosto: apresenta Panorama de Autores Brasileiros, com espetáculo virtual da Orquestra Jovem no próximo dia 29 de agosto, às 20h. No programa, Canto do Oceano, de Fernando Gomes / Lamento para Cordas e Conto para Cordas no. 1, Alexandre Guerra e Concerto para Marimba e Orquestra de Cordas no. 1, de Ney Rosauro.

  • Em setembro, Gustav Mahler é o destaque da série com a execução da Sinfonia no. 4, versão para orquestra de câmara de Klaus Simon. Devido ao seu caráter intimista, a Sinfonia no. 4 representa exceção em meio às obras do austríaco por permitir uma formação mais reduzida, contrastando com as habituais formações que geralmente exigem uma grande quantidade de instrumentistas.
  • Novembro traz a abordagem do período conhecido como Romantismo, nesta série, apresentando a Sinfonia no. 5, de Franz Schubert, obra naturalmente elaborada para uma orquestração com poucos instrumentistas, e Dueto-Concertino para Clarinete e Fagote, de Richard Strauss.

Série Novos Talentos e Descobertas

  • Em setembro, destaca espetáculo de premiação dos vencedores do Concurso GruPiano, o primeiro concurso de piano da cidade de Guarulhos, realizado em agosto do ano passado.
  • Em outubro, a série apresenta o I Concurso GruCordas, cujo período de inscrição e seleção ainda será anunciado. Todas as eliminatórias do concurso vão acontecer de modo digital, exceto a prova final, que será presencial, com a possibilidade do público atuar nessa escolha de forma virtual.

Série No Mundo da Ópera

  • Setembro conta com a apresentação de Cavalleria Rusticana, ópera em dois atos de Pietro Mascagni. Para esse espetáculo, a participação do coro será gravada previamente, e tanto a orquestra quanto os solistas vão interagir com essa gravação. Como se trata de um concerto digital, ainda sem a presença do público, os solistas vão ocupar parte do espaço da plateia.
  • Em novembro, a série destaca O Cônsul, ópera em três atos do ítalo-americano Giancarlo Menotti, obra inédita no Brasil e cuja formação reduzida comporta apenas solistas (e com os cantores isolados, protegidos e afastados da orquestra). O Cônsul substitui a ópera Rusalka, op. 114, de Antonín Dvořák, transferida para a próxima temporada para celebrar os 180 anos do compositor tcheco.

Série Fronteiras

  • Em dezembro, mês em que a cidade de Guarulhos comemora 460 anos, a Temporada 2020 retoma esta série com espetáculos cativos, que no passado atraíram grande público para os concertos presenciais no Teatro Adamastor e no Parque Linear Transguarulhense, como Rock em Concerto e Samba em Concerto. Tais espetáculos objetivam valorizar os artistas e talentos da cidade, que tiveram suas atividades musicais interrompidas por conta da pandemia.

 

Segurança

Uma das grandes preocupações em relação à retomada das atividades das orquestras recai sobre a segurança dos instrumentistas e de toda a equipe responsável pela realização dos concertos. Por isso, as discussões sobre protocolos de higiene do Fórum Brasileiro de Ópera, Dança e Música de Concerto colaboram para que a cidade de Guarulhos possa apresentar a Temporada 2020.

Com relação ao distanciamento entre os instrumentistas, os músicos encontram-se posicionados no palco com um afastamento maior que o habitual, utilizando estantes e partituras individuais. Os contrabaixistas, por exemplo, trazem de casa seus próprios instrumentos já higienizados e ficam responsáveis por manter sua limpeza durante os intervalos.

Toda a equipe de produção e os próprios músicos utilizam máscaras durante todo o tempo em que estão reunidos. Os ensaios são feitos com dois intervalos e com três higienizações do palco a cada atividade.

Para mais informações sobre a Temporada 2020 das orquestras Gru Sinfônica e Jovem, acesse: https://www.guarulhos.sp.gov.br/agendacultural.

 

Foto do post: Nícollas Ornelas.

 

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.