Crítica

Museu Imperial apresenta Anima e Cuore

O Museu Imperial de Petrópolis, apresenta concertos de música clássica nas suas dependências. Este concerto é gratuito e acontece geralmente aos domingos às 16 h.

Neste 01 de abril, na Sala da Batalha de Campo Grande (referência ao belo quadro que adorna uma de suas paredes), aconteceu o concerto do Conjunto Anima e Cuore, da Universidade Católica de Petrópolis – UCP, com regência do maestro Antônio Gastão.

Quando soube do concerto, passou pela minha cabeça que teríamos uma apresentação do Coral da UCP, também dirigido pelo Antônio Gastão, com acompanhamento do Anima e Cuore. Achei que o repertório seria de obras independentes relativas à Semana Santa, como Ave Verum, de Mozart, Ave Maria, de Victória, e outras do gênero, que aliás me encantam muito.

Por isso mesmo, lá fui eu. Tomei um capuccino no próprio museu, enquanto aguardava o início da apresentação. Ao entrar, recebi o programa e vi que o programa estava muito interessante e de um nível geral superior ao que esperava  encontrar.

O programa tinha 3 árias da “Paixão Segundo São Mateus”, de Bach, na voz do soprano Michele Ramos. A segunda parte era o “Stabat Mater”, de Pergolesi, com as solistas Patricia Scagliusi proventil hfa online (soprano) e Letícia Azevedo (mezzo).

O concerto foi de muito bom nível, tanto por parte da orquestra quanto pelo lado das solistas, todas muito firmes, com vozes muito bonitas e dentro do espírito da música. A direção de Antônio Gastão foi perfeita, conseguindo uma bela performance do Anima e Cuore, formado por alunos bolsistas e voluntários.

O único deslize ficou por conta da porta que, sempre que aberta, o que aconteceu muitas vezes, fazia um barulho que atrapalhava a concentração. Não sei se a solução seria simples assim, mas pareceu que uma gotinha de óleo em cada dobradiça teria resolvido o problema.

É de se elogiar a iniciativa do Museu, que, afinal, tem que jogar com o que tem, mas o espaço não é o mais adequado para este tipo de concerto. Confesso que gostaria de ouvi-lo na Igreja Presbiteriana, na Rua Ipiranga, que, por sua arquitetura e tamanho, parece perfeita para este tipo de música. Não quero também esquecer a capela da UCP, que me parece correta também.

Preparem-se, pois no dia 06 de maio, já teremos o 3º. Concerto desta temporada 2012. Vamos ver o que o Antônio Gastão nos prepara.} else {}

1 Comment

  1. Prezado Antônio Rodrigues, obrigado, em primeiro lugar, pela presença em nosso concerto. Obrigado também, é claro, pela crítica elogiosa e pelas sugestões.

    Aproveito para convidá-lo para assistir ao XI Concerto de Páscoa da UCP, no próximo dia 15 de abril, às 18:00h, na Capela da Universidade. Será um concerto com a participação de todos os grupos artísticos universitários: Coral, Orquestra e Conjunto Anima e Cuore.

    Um grande abraço.

    Antônio Gastão

Leave a Response

Antônio Rodrigues
Apaixonado por música coral, é um dos fundadores e mantenedor do movimento.com.