LateralNotíciaÓpera

Luiz-Ottávio Faria interpreta Sarastro na versão original

Com mais de 30 anos de carreira com apresentações realizadas em vários lugares do mundo, o baixo Luiz-Ottávio Faria está vivendo um dos maiores desafios de sua carreira: interpretar o personagem Sarastro, da ópera “A flauta mágica”, de Mozart, em sua versão original.

Já interpretei este personagem várias vezes, mas será a primeira na versão original, em alemão“, afirma o baixo brasileiro.

Luiz-Ottávio Faria reside nos Estados Unidos, desde que começou a estudar na Juilliard School of Music. Foi lá mesmo nesta instituição que viveu Sarastro pela primeira vez.

Para esta apresentação no Sultanato de Omã, ensaia 9 horas por dia. “Espero apresentar este personagem no melhor nível. Sou negro e brasileiro. Aqui, não estão acostumados a apuração técnica nesse segmento. Há uma cobrança muito grande de que minha interpretação seja melhor que a de outros.”, avalia

O processo de preparação também consome muito tempo do intérprete. Para qualquer ópera, temos que estudar o personagem, os sentimentos que o envolvem e o período em que a obra foi composta. Há que fazer pesquisa“, observa.

Luiz-Ottávio afirma ainda que, devido ao tempo dispensado neste processo, torna-se difícil despedir-se dele rapidamente. “São horas de ensaios e concentração. É custoso voltar à realidade“, confessa.

As apresentações acontecem nos dias 02, 03 e 04 de janeiro de 2020 no Royal Opera House Muscat, na península arábica.

Nunca imaginei que seria tão bem tratado. Sinto-me como um rei“, encerra Luiz-Ottávio.

 

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.