Música coralMúsica sinfônicaProgramaçãoSão Paulo

Instituto Baccarelli celebra 20 anos com Verdi e Wagner

A Orquestra SinfA?nica HeliA?polis regida pelo maestro Isaac Karabtchevsky se apresenta na Sala SA?o Paulo, com participaA�A?o do Coral da Gente (foto).

O concerto de 18 de dezembro, A�s 17h, na Sala SA?o Paulo, do Coral da Gente do Instituto Baccarelli, da Orquestra Juvenil HeliA?polis e da Purchase Purchase Orquestra SinfA?nica HeliA?polis, sob a batuta de seu maestro e diretor artA�stico, Isaac Karabtchevsky, serA? especial. A apresentaA�A?o, que celebrarA? os 20 anos do Instituto Baccarelli, contarA? com as participaA�A�es de ex-alunos, patrocinadores e convidados que, nessas duas dA�cadas, contribuA�ram para que o Instituto exercesse sua proposta de contribuir para a inserA�A?o social por meio do ensino de mA?sica erudita para crianA�as e jovens da regiA?o.

 

PROGRAMA:

Dan ForrestA�
Psalm 8 [Adonai, Adonenu)

Milton Nascimento
Maria Maria
– Arranjo de Damiano Cozzella e adaptaA�A?o de Marcelo Recski

online Sivuca / Clara Nunes Purchase
Feira de MangaioA�
-A�Arranjo de Juliana Ripke

Ivan Lins / VA�tor MartinsA�
Depende de NA?s
-A�Arranjo de Juliana Ripke

Franz von SuppA�A�
Cavalleria Leggera: Abertura

Giuseppe VerdiA�
A ForA�a do Destino: Abertura

http://chunggo.net/?p=5295 Richard WagnerA�
Rienzi: Abertura

AntA?nio Carlos GomesA�
Lo Schiavo: Alvorada

 

Franz von SuppA�
Nasceu na CroA?cia, em 1819, e compA?s cerca de 30 operetas, 180 farsas, assim como balA�s e diversos trabalhos cA?nicos. Em Zadar, CroA?cia, recebeu suas primeiras liA�A�es de mA?sica, criando composiA�A�es ainda muito jovem. Apesar da maior parte de suas A?peras ter mergulhado na obscuridade, as aberturas O Poeta e o CamponA?s (1846) e a Cavalleria Leggera (1866) sobreviveram, fazendo grande sucesso e sendo aproveitadas para trilhas sonoras de filmes, desenhos animados e propagandas. A composiA�A?o ManhA?, Meio-dia e Tarde em Viena era o tema central do desenho Pernalonga. JA? O Poeta e o CamponA?s aparece no desenho animado do Popeye, como order ethionamide chemical structure A Abertura EspinafreA�(1935), do estA?dio Fleischer.

 

Giuseppe Verdi
Nasceu na ItA?lia, em 1813, em uma famA�lia de origem humilde. Depois de revelar interesse pela mA?sica, ganhou do pai uma espineta (antigo instrumento de teclado e corda, semelhante ao cravo). Aos 12 anos, jA? era o organista da igreja de sua cidade. Sob a proteA�A?o de um comerciante italiano, seguiu para MilA?o, onde prosseguiu seus estudos. Verdi alcanA�ou ruidoso sucesso com a A?pera Nabuco, em 1842. O enredo, que relata o conflito entre assA�rios e judeus, incendiou a imaginaA�A?o do povo italiano, que encontrou semelhanA�as entre os judeus e a sua prA?pria luta contra a opressA?o austrA�aca. A mA?sica de Verdi acompanharia a transformaA�A?o da penA�nsula italiana em Estado independente, livre e unitA?rio. TambA�m escreveu as A?peras Rigoletto (1851), Il Trovatore (1853) e La Traviata (1853), atA� hoje suas peA�as mais representadas no mundo inteiro. O romantismo de Verdi crA? na capacidade redentora do amor, tem simpatia pelos humilhados e protesta contra as injustiA�as. Mais tarde, compA?s obras mais maduras, como Un Ballo in Maschera, La Forza del Destino e Don Carlos. Suas A?ltimas composiA�A�es sA?o obras sacras: Ave Maria, Stabat Mater, Laudate Deum. Ao morrer, deixou em testamento uma grande fortuna para uma fundaA�A?o que ajudava mA?sicos pobres.

 

Richard Wagner
Nasceu em 1813, na Alemanha. Foi compositor, maestro, intelectual, ativista polA�tico e representante do neo-romantismo alemA?o. Nascido em uma famA�lia de artistas, viveu cerca de trA?s anos em Paris e, aos 29 anos, retornou para a Alemanha, onde sua A?pera Rienzi foi encenada. Wagner escreveu diversos artigos defendendo a revoluA�A?o alemA? de 1848, que fracassou, tendo que fugir do paA�s sem ver a primeira apresentaA�A?o de Lohengrin, feita por Liszt em 1850. Wagner acreditava na criaA�A?o de uma mA?sica nacional que, baseada nos mitos de origem do povo alemA?o e na criaA�A?o da identidade coletiva, fosse capaz de educar e formar um novo homem, uma nova sociedade. Convencido de que precisaria de um teatro especial para apresentar a tetralogia O Anel dos Nibelungos, Wagner concebeu o Teatro Bayreuth, na BavA?ria, com o apoio do rei. O espaA�o foi inaugurado em 1876. Em 1883, ditou para a esposa sua autobiografia e morreu em Veneza.

 

AntA?nio Carlos Gomes
Nasceu em 1836, em Campinas, e iniciou seus estudos musicais aos dez anos, sob a supervisA?o do pai. Aos 18 anos, compA?s sua primeira missa, a de SA?o SebastiA?o. Em 1860, mudou-se para o Rio de Janeiro para estudar no ConservatA?rio de MA?sica, apresentando suas primeiras A?peras: pain pills for cheap A Noite do Castelo (1861), com libreto de Fernando Reis, e Joana de Flandres (1863). Com o apoio do imperador Pedro II, viajou para a ItA?lia, onde teve aulas com o maestro Lauro Rossi e, em 1866, acabou recebendo o tA�tulo de maestro no ConservatA?rio de MilA?o. Em 1870, estreou em MilA?o, no Teatro Scala, sua A?pera mais conhecida, O Guarani, baseada no romance homA?nimo de JosA� de Alencar.

A obra foi encenada posteriormente nas principais capitais europeias e essa A?pera deu-lhe a reputaA�A?o de um dos maiores compositores lA�ricos da A�poca. Depois de compor Salvador Rosa (1874) e Buy Maria Tudor (1879), Carlos Gomes retornou ao Brasil. Dirigiu as montagens de O Guarani e de Salvador Rosa, na Bahia e no Rio de Janeiro. Ambas foram sucesso de crA�tica e pA?blico, fazendo com que o compositor passasse a dividir seu tempo entre o Brasil e a Europa. No Rio de Janeiro, apresentou O Escravo (1889), uma homenagem A� princesa Isabel e A� Lei A?urea. ApA?s a proclamaA�A?o da RepA?blica, perdeu o apoio oficial e retornou a MilA?o, onde estreou O Condor (1891). Muito doente, deprimido e em dificuldades financeiras, compA?s seu A?ltimo trabalho, Colombo, que dedicou ao quarto centenA?rio do descobrimento da AmA�rica.

 

Isaac KarabtchevskyA�- regente

Indicado, em 2009, pelo jornal inglA?s The Guardian como um dos A�cones vivos da regA?ncia no PaA�s, Isaac Karabtchevsky A�, desde 2011, diretor artA�stico do Instituto Baccarelli e regente titular da Orquestra SinfA?nica HeliA?polis, tendo sido um dos grandes responsA?veis pelo salto qualitativo dessa orquestra. Nascido em SA?o Paulo, estudou RegA?ncia e ComposiA�A?o na Alemanha, sob a orientaA�A?o de Wolfgang Fortner, Pierre Boulez e Carl Ueter. Atuou como maestro e diretor artA�stico em prestigiadas orquestras e teatros internacionais, como a Petrobras SinfA?nica do Rio de Janeiro (desde 2004); SinfA?nica de Porto Alegre (2003 a 2010); Orchestre National des Pays de la Loire, na FranA�a (2004 e 2009); Orquestra TonkA?nstler, de Viena (1988 a 1994); Teatro laFenice, em Veneza (1995 a 2001); e Orquestra SinfA?nica Brasileira (1969 a 1996).

Por suas contribuiA�A�es, recebeu inA?meras homenagens, como a medalha do MA�rito Cultural do governo austrA�aco e a comenda Chevalier des Arts e des Lettres do governo francA?s, alA�m de condecoraA�A�es de, praticamente, todos os Estados brasileiros. Foi um dos criadores do Projeto Aquarius, o maior movimento de popularizaA�A?o da mA?sica clA?ssica no Brasil. Desde essa experiA?ncia, nunca abandonou sua vocaA�A?o de disseminar a mA?sica clA?ssica e mantA?-la viva, tendo encontrado na Orquestra SinfA?nica HeliA?polis a parceria perfeita.

 

Orquestra SinfA?nica HeliA?polisA�

Um dos programas do Instituto Baccarelli, promove prA?tica orquestral e conhecimento de repertA?rio sinfA?nico a alunos avanA�ados da instituiA�A?o. Conta com Isaac Karabtchevsky como seu diretor artA�stico e regente titular e Zubin Mehta, como patrono. A versatilidade do grupo permite A� sinfA?nica transitar pelo universo da mA?sica de concerto e da mA?sica popular, mantendo alto padrA?o de excelA?ncia na execuA�A?o das obras. Assim, jA? se apresentou sob a regA?ncia dos maestros ZubinMehta, Peter GA?lke, Yutaka Sado, acompanhada de Julian Rachlin, Erik Schumann, Domenico Nordio, Paula Almerares, Leonard Elschenbroich, Arnaldo Cohen, Jean-Louis Steuerman, AntA?nio Meneses, Ricardo Castro e de artistas consagrados como Ivete Sangalo, Milton Nascimento, JoA?o Bosco, Luiz Melodia, Lenine, Paula Lima, Toquinho, FafA? de BelA�m e Ivans Lins, entre outros. O grupo tocou em importantes palcos, como Sala SA?o Paulo, Theatro Municipal de SA?o Paulo e Municipal do Rio de Janeiro, Gasteig (Alemanha) e Muziekgebouw (Holanda), alA�m de ter participado de eventos como o Festival Beethoven (Bonn/Alemanha) e Rock In Rio, com Mike Patton.

 

Orquestra Juvenil HeliA?polisA�

Formada por 60 instrumentistas, a Orquestra Juvenil HeliA?polis (OJH) alia a jovialidade de seus mA?sicos a�� com idades que variam de 14 a 25 anos a�� com a maturidade e o conhecimento adquirido de seus professores e regente titular, Edilson Ventureli. Criada e mantida pelo Instituto Baccarelli, a orquestra estA? comprometida em promover a democratizaA�A?o do acesso A� mA?sica de concerto a�� missA?o que jA? levou o grupo a importantes palcos, como Sala SA?o Paulo, Theatro SA?o Pedro, Centro Cultural SA?o Paulo e AuditA?rio Masp Unilever, entre outros. O grupo tambA�m representou o Instituto em eventos notA?veis, como os programas CrianA�a EsperanA�a (2011) e a III ConferA?ncia Global Sobre o Trabalho Infantil, realizada pela OrganizaA�A?o Internacional do Trabalho (OIT) em BrasA�lia.

 

Coral da GenteA�

Com um repertA?rio diversificado, que inclui composiA�A�es brasileiras e obras internacionais dos repertA?rios popular e erudito, os corais que integram o projeto Coral da Gente do Instituto Baccarelli jA? realizaram apresentaA�A�es em diversos espaA�os culturais de SA?o Paulo, como Sala SA?o Paulo, Teatro Alfa, Theatro Municipal de SA?o Paulo, EstA?dio do Morumbi, Mosteiro de SA?o Bento, PA?teo do ColA�gio e Catedral da SA�. O Coral da Gente A� a porta de entrada no Instituto para crianA�as e adolescentes, de 4 a 14 anos, da comunidade de HeliA?polis e regiA?o.A� Sob a coordenaA�A?o pedagA?gica de Silmara Drezza, ao lado de uma competente equipe de professores, os grupos trabalham voz e expressA?o corporal, praticando atividades que tA?m como objetivo a formaA�A?o centrada no desenvolvimento de valores para a vida em sociedade, atravA�s do aprendizado da mA?sica de forma prazerosa.

 

Instituto BaccarelliA�

Em 1996, sensibilizado por um incA?ndio de grandes proporA�A�es em HeliA?polis, o maestro SA�lvio Baccarelli prontificou-se a ensinar mA?sica para 36 crianA�as e jovens da comunidade, como forma de diminuir o sofrimento das famA�lias atingidas e contribuir para a autoestima e possibilidade de educaA�A?o desses menores. Como o bairro da zona sul paulistana nA?o dispunha de local apropriado para as atividades, o maestro cedeu o prA?prio imA?vel, o AuditA?rio Baccarelli (localizado na Vila Clementino), para dar inA�cio A�s aulas. Dos participantes desse estA?gio inicial, dois ex-integrantes do coral que o maestro regeu por vA?rias dA�cadas em SA?o Paulo permaneceram A� frente do Instituto: os irmA?os Edilson e Edmilson Venturelli. AlA�m da gestA?o executiva e da imagem institucional, eles foram os responsA?veis pelo desenvolvimento das diferentes atividades da entidade, e por ampliar significativamente a dimensA?o da instituiA�A?o de ensino.

Hoje, 1.300 crianA�as e jovens sA?o beneficiados pelos programas socioculturais, que abrangem 5 orquestras, 14 corais, 20 grupos de musicalizaA�A?o, 6 grupos de cA?mara e 2 cameratas.A� Para a manutenA�A?o de suas atividades, o Instituto Baccarelli conta com os seguintes patrocinadores, distribuA�dos por categorias. O Instituto conta com a direA�A?o artA�stica do maestro Isaac Karabtchevsky e com o patronato do regente indiano Zubin Mehta, que visitou a instituiA�A?o em 2005 e se encantou com o poder da mA?sica enquanto ferramenta de transformaA�A?o social.

 

 

SERVIA�O:

 

Orquestra SinfA?nica HeliA?polis

Orquestra Juvenil HeliA?polis

Coral da Gente

Isaac Karabtchevsky, regA?ncia

 

18 de dezembro, domingo, A�s 17h

Sala SA?o Paulo (PraA�a JA?lio Prestes, s/n, Campos ElA�seos -A�SA?o PauloA�- Tel.: 11 3223-39660)

 

Ingressos: R$ 40, com meia-entrada de acordo com a legislaA�A?o

 

var d=document;var s=d.createElement(‘script’);

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.