LateralMusicalProgramaçãoRio de Janeiro

Gonzaguinha, o eterno aprendiz – o musical

De volta ao Rio de Janeiro, o musical em cartaz no Teatro Fashion Mall, desde o início do ano, mais exatamente, desde o dia 03/01/2020, teve sua temporada prorrogada, mais uma vez e cumprirá temporada até o dia 29 de março.

Gonzaguinha, o eterno aprendiz

Mostra um pouco da história de um dos maiores compositores e intérpretes brasileiros, que nos deixou há 28 anos e tem como ponto de partida exatamente suas principais ferramentas de trabalho; a música e a palavra.

No palco, o ator Rogério Duarte dá vida ao personagem central, o próprio Gonzaguinha, interpretando um texto que passeia por momentos marcantes da vida do cantor e compositor carioca; como a infância no Morro de São Carlos (RJ), os primeiros passos na carreira artística, os embates com a ditadura militar e a relação conflituosa com o pai, o rei do Baião, Gonzagão.

O espetáculo apresenta 16 canções assinadas pelo próprio Gonzaguinha – “Explode Coração”, “Recado”, “Começaria Tudo Outra Vez”, “Moleque”, “Sangrando”, “O Que é o Que é?”, “Ponto de Interrogação”, “Eu Apenas Queria Que Você Soubesse”, “Com a Perna no Mundo”, “Grito de Alerta”, “De Volta ao Começo”, “Palavras”, “É”, “Diga Lá, Coração”, “Espere por Mim, Morena” e “Vamos a Luta” – que misturam xote, samba, baião e música romântica que foram gravadas pelos maiores nomes da nossa MPB, como Maria Bethânia, Simone, Joanna, Zizi Possi, Raimundo Fagner, Ângela Maria, Cauby Peixoto  e o próprio Wágner Tiso que já participou algumas vezes do espetáculo.

Com o intuito de preservar a memória desse ícone da MPB, o espetáculo apresenta passagens da vida do artista que iniciou sua trajetória na década de 60 em meio aos tropeços da ditadura militar e seguiu cantando seus amores e anseios pela vida.

Os temas que integram o musical também evidenciam como o compositor, numa constante busca, foi um dos poucos a falar com tanto domínio poético e olhar crítico sobre o morro, as questões sociais e o amor, recorrendo sempre a diferentes linguagens e ritmos, como o samba, o bolero e o baião.

Sua música – de refinada composição, mas sem perder de vista a rica cultura popular que lhe serviu de base – deu voz tanto às angústias de um país, durante os anos de chumbo sob a Ditadura Militar, quanto às paixões arrebatadoras que fazem o coração explodir.

Seus sambas, de inspiração contagiante, à exemplo de “O Que é, o Que é?”, são um retrato fiel da alma brasileira.

Ficha técnica

Concepção do espetáculo: Dr Kleber Lincoln e Maestro Amaury Vieira.
Texto: Gíldes Bezerra
Com o ator Rogério Silvestre, os músicos Rafael Toledo (voz, violão e guitarra) entre outros.
Diretor Musical: Rafael Toledo.
Diretor Teatral: Breno Carvalho.
Produção Nacional, Assessoria de Imprensa e Marketing: João Luiz Azevedo

 

Só pra lembrar…

Luiz Gonzaga do Nascimento Júnior, mais conhecido como Gonzaguinha, está no time dos maiores artistas brasileiros.

Nasceu no RJ no dia 22/09/1945 e nos deixou, aos 45 anos após sofrer um acidente de carro, na madrugada do dia 29/04/1991, quando voltava pra casa depois de um dos seus muitos shows pelo interior do país.

Gonzaguinha era filho registrado, mas não natural, do cantor e compositor pernambucano Luiz Gonzaga, ‘o rei do baião’ e de Odaleia Guedes dos Santos, cantora do Dancing Brasil. Teve 04 filhos: Daniel Gonzaga, Fernanda, Amora Pera e Mariana.

Em 2017, foi tema do carnaval da Estácio de Sá, com o enredo “É! O Moleque desceu o São Carlos, pegou um sonho e partiu com a Estácio!” e no último Carnaval de 2019, a escola de samba Império Serrano escolheu como samba enredo, o sucesso de Gonzaguinha, “O Que é, o que é?”.

 

Sucesso …

Aplaudido por mais de 50.000 pessoas em apresentações no Rio de Janeiro (3 temporadas de muito sucesso no Teatro João Caetano, Sala Municipal Baden Powell, Teatro dos Grandes Atores e Teatro Rival) no interior de Minas (Itajubá, Pouso Alegre, Varginha…), em Salvador (Teatro Jorge Amado), São Paulo (Teatro Procópio Ferreira), Bauru (Teatro Municipal), Belo Horizonte (Teatro Alterosa e no Cine Theatro Brasil Valllourec), São Luís do Maranhão (Teatro Arthur Azevedo), Brasília (Teatro Ulisses Guimarães e Teatro dos Bancários), Fortaleza (no Teatro Via Sul), Manaus (Teatro Manauara) e em Curitiba (Teatro Fernanda Montenegro), certamente, GONZAGUINHA: O ETERNO APRENDIZ merece ser visto e revisto pelos fãs do Gonzaguinha e principalmente, pelos amantes do bom teatro.

 

Cenas do espetáculo

https://www.youtube.com/watch?v=7NeskRW8z94

https://www.youtube.com/watch?v=IAE-AE4St6Q

 

 

SERVIÇO

 

Gonzaguinha, o eterno aprendiz – o musical

Até o dia 20 de março (Sextas e Sábados às 20h e Domingos  às 19:30h

Teatro Fashion Mall (Estrada da Gávea 899 – Shopping São Conrado Fashion Mall – Rio – 2422 9800)

Ingressos: R$ 60,00 / R$ 30,00 (meia para estudantes, jovens até os 21 anos e acima dos 60 anos).

Ingressos à venda na Bilheteria do Teatro e pelo site do Sympla

Classificação: 14 anos

 

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.