LateralNotíciaRio de JaneiroTecnologia

“Desafios: novas direções” com André Heller e Ernesto Bauer

Quem são os novos nomes de destaque à frente dos teatros líricos internacionais? Novas gerações de artistas estão assumindo postos pelo mundo afora, muitos fazendo uma transição do palco para a gestão. Em mais um episódio da série “Desafios” o Theatro Municipal do Rio de Janeiro é anfitrião de uma conversa sobre os caminhos que começam a aparecer, as ideias e o que há de diferente e renovado.

O diretor artístico do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, André Heller-Lopes e o diretor geral e artístico do Teatro Argentino de La Plata, o barítono Ernesto Bauer, vão falar sobre as experiências profissionais deles e sobre o que está surgindo de especial nesta área.

A live será na próxima terça-feira, dia 28 de julho, às 15h, no Instagram do Theatro Municipal do Rio de Janeiro (@theatromunicipalrj).

 

André Heller-Lopes

O diretor artístico do Theatro Municipal, André Heller-Lopes, é um grande divulgador da ópera e de novos talentos no Brasil. Professor da UFRJ, PhD pelo Kings College London, especializou-se na Royal Opera House de Londres, na Ópera de São Francisco e no Metropolitan Opera de Nova York.

Dirigiu óperas e concertos por todo o Brasil, 8 no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Portugal, Estados Unidos, Áustria, Inglaterra, Polônia, Malásia, Alemanha, França, Argentina e Uruguai. Em 2013, a revista internacional “Opera”, do Reino Unido, dedicou um perfil de nove páginas ao seu trabalho.

Dentre as produções que levaram sua assinatura encontram-se Salomé, Nabucco, A Valquíria, O Diário do Desaparecido, Savitri, Don Pasquale, Idomeneo (Theatro Municipal do Rio e CCBB-RJ), Die Walküre, Götterdämmerung, La Fille du Régiment, Falstaff, Samson et Dalila, Der Rosenkavalier, Adriana Lecouvreur e Andrea Chenier (Theatro Municipal de São Paulo, Teatro São Pedro e OSESP), Hansel e Gretel, Trouble in Tathiti, A Bela Adormecida e Nabucco (Lisboa); Tosca e Eugene Oneguin (Salzburgo); Manon Lescaut, Rigoletto, Jenufa e Don Pasquale (Buenos Aires;) Tristão e Isolda e Medea, em Manaus; Macbeth e Ariadne auf Naxos, em Montevidéu; Rigoletto e Lucia di Lammermoor (Belo Horizonte).

No Rio de Janeiro, no Parque Lage, encenou ao ar livre e com entrada franca A Midsummer’s Night Dream – espetáculo patrocinado pelo prêmio internacional Britten 100 Award e pelo British Council – que acabou indicado para o Opera Awards de 2014, o “Oscar da ópera”.

 

Ernesto Bauer

Aos 7 anos, começou seus estudos musicais no Conservatório Nacional Carlos López Buchardo. Aos 19 anos, seu treinamento vocal foi com o Maestro Oscar Schiappapietra. Como membro da “Fundação Música de Cámara”, trabalhou por dois anos sob a orientação do Maestro Guillermo Opitz, tendo participado como solista em vários concertos e gravações organizados pela instituição. Seus recentes professores de técnica vocal foram Nino Falzetti e María R. Farré e Alejandra Malvino. Atualmente, estuda repertório com a mestra Susana Cardonnet.

A bolsa de estudos em 1999 foi transferida para Milão (Itália). Em Savona, participou do Master Class em performance ótica ministrado pela mestra Renata Scotto e, depois desse curso, cantou junto com a Orquestra de Teatro Carlo Felice di Genova.

Na “Renata Scotto Opera Academy”, fez um mestrado em interpretação de Mozart e Rossini com o maestro Claudio Desderi. Também participou do curso de verão liderado pelo mesmo professor na cidade de Torino.

Com base em Milano (Itália), recebeu uma bolsa de estudos por três anos para aperfeiçoar-se e estudar técnica vocal com o Maestro Humberto Grilli, tendo realizado concertos em várias cidades europeias durante esse período.

Após um período de treinamento no exterior, retornou ao seu país em 2004 para continuar sua carreira como cantor lírico. O barítono é atualmente o Diretor Geral e artístico do Centro Provincial de Artes da Argentina.

 

SERVIÇO

 

Theatro Municipal Palco Livre, Vale e Petrobras convidam  André Heller-Lopes e Ernesto Bauer em Desafios: novas direções

Dia 28 de julho, terça-feira – Live às 15h

 

Instagram: @theatromunicipalrj

Patrocínio Ouro @valenobrasil e @petrobras

 

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.