Minas GeraisProgramação

Concertos de órgão: Daniel de Castro Lobo e Marco Brescia

O Órgão da Sé de Mariana e o Órgão da Matriz de Santo Antônio em Tiradentes recebem concertos especiais neste fim de semana.

SERVIÇO

canadarx 24 pharmacy Dia 29/07 –  sexta-feira

– Às 11h30 – Órgão da Sé de Mariana, com Marco Brescia

– Às 20h30 – Órgão da Matriz de Tiradentes, com Daniel de Castro Lobo


Dia 30/07 – sábado

– Às 21h. – Órgão da Matriz de Tiradentes, com Daniel de Castro Lobo


Dia 31/07 – domingo

– Às 12h15 – Órgão da Sé de Mariana, com Marco Brescia

Ingressos a partir de R$ 18,00.

Informações pelos telefones (32) 3355-1238 (Tiradentes) e (31) 3558-2785 (Mariana).

No repertório, obras dos séculos XVII e XVIII de autores ibéricos e italianos. Os ingressos serão vendidos uma hora antes dos concertos na Catedral da Sé em Mariana e na Matriz de Santo Antônio em Tiradentes.


Marco Aurélio Brescia

É mestre em História da Arte pela Universidade Sorbonne-Paris IV. Brescia é investigador integrado do CESEM – Centro de Estudos de Sociologia e Estética Musical, Universidade Nova de Lisboa, onde atualmente realiza estudos doutorais em Ciências Musicais – Musicologia Histórica, em regime de co-tutela de tese com a Universidade de Paris-Sorbonne, sendo bolsista individual de doutoramento da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia de Portugal. Organista especializado em interpretação histórica de música ibérica antiga, Brescia é organista do coro da Basílica Pontificia de San Miguel – Nunciatura Apostólica, Madrid (Órgão Gerhard Grenzing, 1975).


Daniel de Castro Lobo

Iniciou seus estudos de música aos seis anos de idade. Graduou-se bacharel em música na Universidade de São Paulo no ano de 2007 sob a orientação do pianista Amílcar Zani Netto. A paixão pelo órgão veio ainda na faculdade enquanto acompanhava o coral de alunos em diversas ocasiões. Desde 2009 se dedica ao estudo historicamente orientado do instrumento com a professora Elisa Freixo. Recebeu aulas de canto sob orientação de Marcos Thadeu e de composição e regência sob orientação do Mo. Olivier Toni. Participou como convidado junto a diversos corpos artísticos paulistanos como a Orquestra Sinfônica da USP, a Orquestra de Câmara da USP, o Coral da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo e o Coral Jovem do Estado de São Paulo.

} else {} else {

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.