Música sinfônicaProgramaçãoRio de Janeiro

Brasil, Argentina e Rússia

Obras de Tacuchian, Stravinski e Piazzolla integram repertório de concerto da Orquestra de Solistas do Rio de Janeiro.

 

A Orquestra de Solistas do Rio de Janeiro (OSRJ) é a convidada da série Sala Orquestras, que ocorre na Sala Cecília Meireles, no Rio de Janeiro. Sob a regência de Rafael Barros Castro, o grupo se apresenta na terça-feira, dia 29 de maio, às 20 horas, com um programa que inclui Ricardo Tacuchian, Igor Stravinski e Astor Piazzolla.

 

Orquestra de Solistas do RJ

Fundada em 2005, a Orquestra de Solistas do Rio de Janeiro é um ensemble instrumental composto por músicos atuantes no cenário da música de câmara e sinfônica do Rio de Janeiro. Desde o ano de sua fundação, a OSRJ vem oferecendo em sua temporada anual de concertos um abrangente repertório camerístico para diversas formações instrumentais.

Entre as suas realizações mais importantes vale destacar a estreia carioca da cantata Colóquio, de Camargo Guarnieri, em 2008. No Theatro Municipal do Rio de Janeiro, a OSRJ foi responsável pela montagem da obra A História do Soldado, de Stravinsky, na íntegra, com narração, cena e dança.

Ao longo da sua trajetória, a OSRJ tem sido responsável por uma série de benefícios voltados para a cultura da cidade do Rio de Janeiro principalmente por meio de uma programação anual que contempla não apenas a música erudita, mas também a música popular.

 

O maestro Rafael Barros Castro iniciou seus estudos musicais no Instituto dos Meninos Cantores Canarinhos de Petrópolis, aos 8 anos de idade, recebendo aulas de teoria e prática musical, piano e canto coral. Aperfeiçoou-se em piano com as professoras Maria Teresa Madeira e Ruth Serrrão. Formou-se bacharel em Regência Orquestral na UniRio, na classe de Ricardo Tacuchian. Recebeu valiosas instruções sobre regência orquestral e repertório com o maestro eslavo Anton Nanut. Como pianista, foi premiado no Concurso de Música de Câmara de Curitiba, em 2002, com o duo de violão e piano Dassié-Castro.

 

PROGRAMA:

Ricardo Tacuchian (1939-)
Núcleos

Igor Stravinsky (1882-1971)
Concerto em mi bemol maior – Dumbarton Oaks

order antibiotics overnight Astor Piazzolla (1921-1992)
Las Cuatro Estaciones Porteñas, para orquestra de cordas e piano (arr. Ivan Bragatto)

 

SERVIÇO:

 

Orquestra de Solistas do Rio de Janeiro

Rafael Barros Castro, regência

 

29 de maio, terça-feira, às 20h

Sala Cecília Meireles (Largo da Lapa, 47, Centro – Rio de Janeiro. Tels.: 21 2332-9223 e 2332-9224)

 

Ingressos: R$ 40, com meia-entrada para estudantes e pessoas com mais de 60 anos

 

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.