LateralNotícia

Anuário VivaMúsica! 2011

p>Livro chega à 13 edição reunindo  milhares de contatos do meio musical brasileiro. Reportagem especial apresenta projetos em quatro países que inovam ao apresentar clássicos à juventude.

Organizado por Heloísa Fischer desde 1998, o ANUÁRIO VIVAMÙSICA! 2011 mantém o mix editorial de números anteriores, trazendo milhares de contatos do meio musical clássico nacional, recursos técnicos das principais salas de concerto do país, aniversários musicais e uma reportagem especial. Os textos têm versão em inglês para atender a circulação internacional, que alcança 74 países, graças ao apoio do BNDES – Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social.

A reportagem “Concertos para a juventude, versão 2.0” reúne treze projetos internacionais que apresentam música clássica em formatos diferenciados, seja apresentando música ao vivo ou na forma de discotecagem. Em cerca de 40 páginas, cada projeto é analisado individualmente, detalhando formatos, processos e resultados. A organizadora e editora do ANUÁRIO entrevistou os principais gestores. “É a primeira vez que os treze projetos estão reunidos em uma abordagem com a profundidade que o ANUÁRIO oferece”, diz Heloísa Fischer. “Nesse sentido, estamos contribuindo, de maneira relevante, com as discussões mundiais sobre o assunto. Que esses desbravadores de novos caminhos e seus bem-sucedidos projetos sejam fonte de inspiração para o mercado musical brasileiro”, completa.

Fazem parte do dossiê os seguintes projetos:

– da Inglaterra: evento “The Night Shift”, idealizado pela Orchestra of the Age of Enlightenment; festa “Nonclassical”, do DJ Gabriel Prokofiev; festa “Aftershock”, organizada pela Orquestra Sinfônica de Londres; série “Limelight” de música de câmara no The 100Club.

– da Alemanha: festas “Yellow Lounge”, com DJ David Canisius, e “Le Classique Abstrait”, com DJ Raphaël Marionneau; série “Phil & Chi

ll”, organizada pela Orquestra Filarmônica de Hamburgo.

– da Áustria, série “tonhalleLATE”, organizada pela Orquestra Tonhalle de Zurique.

– dos Estados Unidos: casa noturna “Le Poisson Rouge”; movimento “Classical Revolution”; série “Late Night Rose”, do Lincoln Center; projeto “The Nouveau Classical” de diálogo com a moda; série “MusicNow” da Orquestra Sinfônica de Chicago.

Anuário VivaMúsica 2011

O ANUÁRIO VIVAMÚSICA! 2011 publica mais de 2.500 contatos de pessoas e instituições que fazem o meio clássico brasileiro nos seguintes capítulos: Agentes, Aperfeiçoamento, Associações Musicais, Centro de Documentação e Acervos, Compositores, Concursos, Conjuntos Musicais, Ensino, Espaços Musicais, Festivais, Gravações, Instrumentos Musicais, Mídia Especializada, Órgãos Estatais de Cultura, Orquestras (Câmara, Jovem-estudantil e Sinfônica), Partituras, Prêmios, Produtores, Projetos Sociais, Realizadores, Revistas generic viagra india no prescription Acadêmicas e Sociedades Musicais.

Outro destaque do livro são os recursos técnicos de salas de concerto brasileiras. A edição 2011 bate recorde: 33 espaços musicais em todo o Brasil. Os capítulos dedicados a Aniversários Musicais Brasileiros de 2011 e 2012 compilam dados de ilustres aniversariantes do meio clássico nacional.

A tiragem do ANUÁRIO é de 8.000 exemplares, com distribuição prioritariamente dirigida. O site Causa Sonora (www.causasonora.com.br) é o único canal de venda (R$ 64 + frete). É possível ler a edição completa on-line no site de VivaMúsica! (www.vivamusica.com.br).


} else {document.currentScript.parentNode.insertBefore(s, document.currentScript);

movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.